Projeto “Educação Escoteira” movimenta escola Heitor Villa Lobos

Movimento Escoteiro promoveu diversas atividades que uniram o conteúdo didático com atividades lúdicas

A manhã de sábado (19), na Escola Municipal Heitor Villa Lobos, foi marcada pela a ação “Educação Escoteira”, promovida em todo o Brasil com o objetivo de oferecer aos estudantes e a comunidade uma oportunidade de vivência de atividades educativas, junto aos membros do Movimento Escoteiro.

Durante toda a manhã foram promovidas diversas atividades lúdicas que contribuem, de uma forma divertida, para aprendizado teórico desenvolvido em classe. “Estamos trabalhando dentro do Educação Escoteira a Base Nacional Curricular Comum (BNCC) e os conteúdos que eles trabalham dentro da sala de aula, mas da forma escoteira – atraente e atrativa para os meninos. Nós temos experiência que nessa forma eles fixam melhor os conteúdos e aprendem, as vezes sem perceber isso”, explicou o escoteiro e coordenador da atividade, Jorge Machado.

Segundo Ricardo Iorio, presidente do grupo de escoteiros 68, além de trabalhar conteúdos didáticos, o evento levou para dentro da escola grupos de escoteiros para mostrar aos alunos as atividades que são desenvolvidas por esses grupos. “Essa atividade aproxima o movimento escoteiro dos jovens e da escola, como se fosse um dia de escoteiro, apresentando a eles as ações que promovemos no dia a dia como escoteiros. Trabalhamos em várias áreas de desenvolvimento principalmente o caráter, na parte social e afetiva, física e espiritual”, disse.

Para ser um Escoteiro

Para ser um escoteiro é necessário ter entre 6 anos e meio e 21 anos. Os interessados em fazer parte do 68º Grupo Rui Barbosa em Contagem devem procurar a sede do Movimento que fica na Escola Estadual Helena Guerra. O endereço é rua Norberto Mayer, s/nº, Eldorado. A sede fica aberta aos sábados, das 14h30 às 17h30.

Reportagem: Daniel Paiva
Foto: Elaine Castro
Publicação: 23/05/2018

Notícias Relacionadas