Prefeitura promove capacitação para os novos conselheiros tutelares

Evento foi dedicado ao aprendizado e à integração dos participantes que irão trabalhar na área

A prefeitura de Contagem, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e do Conselho Municipal dos Direitos das Crianças e do Adolescente (CMDCA) ofereceu nesta quarta-feira (8) uma capacitação para os novos conselheiros tutelares do Município eleitos para a gestão 2020/2024.

O presidente do CMDCA, José William da Silva, destacou a importância da parceria do conselho com a administração pública no desenvolvimento da capacitação. “Mesmo sendo de responsabilidade do CMDCA a condução do processo de escolha dos novos conselheiros, é muito importante esse apoio que vem sendo dado pela prefeitura, tanto com os recursos financeiros, como disponibilizando a equipe técnica durante todo o processo”, disse.

A capacitação aconteceu na Secretaria Municipal de Educação. Técnicos técnicos das secretarias de Educação, Saúde e Desenvolvimento Social, por meio de palestras, mostraram uma visão geral da importância das funções dos conselheiros tutelares para a sociedade, além das políticas públicas sobre o cumprimento dos direitos da criança e do adolescente.

O subsecretário de Educação, Sérgio Mendes, destacou a importância do Conselho Tutelar como parceiro da rede municipal de ensino para a inserção das crianças na escola. “A entrada desses novos conselheiros e a participação da Secretaria de Educação nessa capacitação contribui muito com essa discussão para o futuro de Contagem. A secretaria estende as mãos aos novos conselheiros tutelares para a construção do futuro das nossas crianças e dos nossos adolescentes”, afirmou.

A secretária de Desenvolvimento Social, Luzia Ferreira, destacou a importância da capacitação dos conselheiros. “A capacitação é extremamente importante. Muitas vezes, quando toma posse, o conselheiro tutelar não sabe quais são os papeis de todos os atores do sistema na garantia de direitos. Ao investir em conhecimento, garantimos não só aos eleitos, mas a estarem cientes de quais são os direitos das crianças e dos adolescentes e o papel que todo cidadão no geral tem de protegê-los” frisou.

Reportagem: Flávia Nunes
Foto: Elias Ramos
Publicação: 09/01/2020

Notícias Relacionadas