UMA GRANDE CONQUISTA DA FUNEC RIACHO

Esse ano de 2020 impôs muitos desafios ao mundo todo e, principalmente, à educação. No início, a equipe pedagógica da FUNEC Riacho estava a “todo vapor”, cheia de projetos e boas ideias para fortalecer a educação no município de Contagem. Entre nossos vários projetos em desenvolvimento, tínhamos três projetos inscritos no Programa de Iniciação Científica da FUNEC, sendo: o projeto BeActive, com estudantes do 2º ano, sob a orientação do Professor Júnio Feital e coorientação da Professora Nataly Virgínia Ferreira; o projeto Edukat, também com estudantes do 2º ano, sob a orientação do Professor Júnio Feital e coorientação do Professor Evandro Celeghini Rosa; além dos projetos Webio: a célula virtual e, Vitae: ecossistema dinâmico, ambos com estudantes do 2º ano, sob a orientação da Professora Andreia Aparecida Ribeiro e colaboração do Professor Paulo Henrique Rodrigues. Os projetos receberam bolsas de iniciação científica da FUNEC e, quando estávamos começando a executá-los, veio a Pandemia, obrigando-nos à interrupção de todas as nossas atividades acadêmicas.

Mesmos com todas as dificuldades impostas por essa nova realidade, os estudantes juntamente com os seus professores orientadores assumiram o compromisso de continuar com os projetos, e tentar entregar um produto de qualidade, e acabado, no final de 2020. Foram várias “lives” e reuniões via WhatsApp, escrita de documentos em conjunto, por meio de colaboração “on-line”, entre outros recursos informacionais, utilizados para driblar as dificuldades de uma orientação à distância. Os grupos de pesquisa da FUNEC Riacho também se inscreveram em várias feiras de ciências, tais como: FEBRAT, FEMIC, UFMG Jovem, que aconteceram à distância, em decorrência da pandemia. Foram inúmeros vídeos produzidos, resumos, documentos, entre outros, com a finalidade de possibilitar a participação dos nossos projetos.

Ao final, o nosso trabalho foi recompensado. O projeto BeActive recebeu 3 bolsas de Iniciação Científica do CNPQ, na FEBRAT, e os projetos Webio e Vitae também receberam, cada um, 3 bolsas de Iniciação Científica do CNPQ, na feira UFMG Jovem. Estamos muito felizes com essas conquistas e, com o reconhecimento da comunidade científica de Minas Gerias, em relação aos nossos trabalhos. Temos ciência de que o Programa de Iniciação Científica da FUNEC nos possibilitou chegar até aqui, impulsionando-nos e nos motivando no fazer científico, e na descoberta de talentos entre nossos docentes e discentes.

Agradecemos imensamente aos gestores da FUNEC por essa oportunidade, e desejamos que nos próximos anos possamos continuar trilhando o caminho da educação e da ciência, divulgando o nome da nossa Fundação, no estado de Minas Gerais, no Brasil e, até mesmo, no exterior (como já ocorreu, anteriormente).

Notícias Relacionadas