Transporte Sanitário traça novas estratégias durante a pandemia para aumentar o atendimento

Página Inicial - 19/10/2020, 12:04:22

O Transporte Sanitário, modalidade ligada à Central do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), visa transportar usuários da residência para as unidades de saúde do município ou de outras cidades. Durante a pandemia de Covid-19, o sistema reorganizou as rotas de atendimentos, com intuito de disponibilizar mais 80 vagas para pacientes que estão na fila de espera. O serviço atualmente conta com sete ambulâncias brancas, 14 kombis e duas ambulâncias Sem Limites. Mais de 5 mil pessoas são beneficiadas  por este serviço.

Para ter acesso ao Transporte Sanitário Municipal, o paciente precisa ter um pedido do hospital, informando a necessidade, que deve ser encaminhado à Central do SAMU, localizado na rua Rio Mantiqueira, nº 1.671, Novo Riacho. Em seguida, a equipe que, conta com um enfermeiro e um assistente social, faz a visita na casa do paciente para avaliar a sua necessidade. A partir dessa visita, constatando a necessidade, o paciente é colocado em uma rota. Alguns pacientes recebem o vale social, ou seja, o vale transporte para fazerem seus respectivos tratamentos.

“Agradecemos a equipe do transporte sanitário que com carinho buscaram meu pai, trazendo pra família um pouco de paz. Que Deus possa abençoar a todos.”, agradeceu a filha do paciente Carlos Alberto, que estava na Santa Casa de Montes Claros e retornou para casa por meio do Transporte Sanitário de Contagem.

Repórter: estagiária Laura Oliveira, sob a supervisão de Vanessa Trotta

Foto: Fábio Silva

Página Inicial - 19/10/2020, 12:04:22