“Pessoas Idosas na Luta Antirracista” é tema de evento promovido pela Prefeitura

Direitos Humanos e Cidadania - 01/12/2021, 18:00:00 - Repórter: - Foto: Secretaria de Direitos Humanos/PMC

Mais de 250 pessoas estiveram presentes no evento “Pessoas Idosas na Luta Antirracista”, que aconteceu no Espaço bem Viver Mário Covas, localizado no bairro Central Park. A atividade foi realizada pela Secretaria de Direitos Humanos e Cidadania, por meio da Superintendência de Políticas Públicas para a Pessoa Idosa e da Superintendência de Política para a Promoção da Igualdade Racial. O público participou de um desfile de beleza, aulas de ginástica e de danças, de amarração de turbante, pinturas africanas e apreciaram a exposição da coleção “Orixás”, prints de pinturas do artista contagense Igor Maciel.

Para o superintendente de Políticas Públicas para a Pessoa Idosa, Eduardo Sendon, a conscientização da luta contra o racismo é importante em todas as idades. “Realizamos este evento com o intuito de conscientizar a população, mostrar a cultura afro, que é maravilhosa e que faz parte da nossa história. O Novembro Negro, mês da consciência negra, é para provocar em cada ser humano o processo de entendimento de que todos somos iguais, e devemos respeitar a cada um, principalmente porque sabemos que há uma grande parcela da terceira idade negros e negras, seguimos junto na luta antirracista por uma Contagem sem racismo e sem preconceito”, alegou.

Dentre a programação, os contagenses participaram de uma aula de dança afro com o arquiteto e carnavalesco Leonardo de Jesus da Silva, e a dança maracatu, com o professor Alex de Paula. A dança maracatu é uma dança popular do Nordeste, principalmente, de Pernambuco, onde as comunidades negras e indígenas utilizam para fazer suas comemorações.

“Foi um evento importante, no sentido de ser uma provocação para criar um diálogo na perspectiva de valorização da história da identidade e da cultura negra, além de pautar que o racismo precisa ser enfrentado por todos e por todas. A nossa superintendência compreende que foi fundamental essa atividade de mobilização da terceira idade e do próprio Programa Contagem na Maturidade. Esse é um momento importante de reflexão da consciência negra e do enfrentamento ao racismo de forma cotidiana”, afirmou o superintendente de Política para a Promoção da Igualdade Racial, João Pio.

Estiveram presentes os idosos que participam das atividades do EBV Mário Covas, Luiz Palhares e dos Núcleos do Programa Contagem na Maturidade. 

Maria Aparecida Fernandes, 76, disse que adorou o evento. “Atividades como esta são importantes para conscientizar as pessoas. Foi excelente toda a programação, adorei tudo que presenciei, como a ginástica, as danças, as apresentações e a exposição”.

 

Direitos Humanos e Cidadania - 01/12/2021, 18:00:00 - Repórter: - Foto: Secretaria de Direitos Humanos/PMC

Notícias relacionadas

Secretaria Municipal de Comunicação | Prefeitura de Contagem
Desenvolvido: Secretaria Municipal de Comunicação