Jardim de Chuva de Contagem entra em sua reta final de conclusão

Meio Ambiente - 21/10/2021, 17:17:57 - Repórter: - Foto: Divulgação Guajava

O Jardim de Chuva da praça Tancredo Neves, em frente à Prefeitura de Contagem, entra em sua reta final de implantação. A intervenção tem a finalidade de contribuir para a captação da água da chuva, criando espaços de armazenamento que facilitam sua infiltração no solo e ajudam na recarga do lençol freático. 

A iniciativa é uma parceria entre a Prefeitura de Contagem e o Iclei Governos Locais pela Sustentabilidade, no âmbito do Projeto Interact-Bio, projetada e executada pela Guajava Arquitetura da Paisagem e Urbanismo.

De acordo com a Iclei Governos Locais pela Sustentabilidade, organização responsável pelo projeto, durante essa semana acontece a conclusão do plantio das mudas e a colocação de seixos e pedras grandes, para proteger o solo de possível erosão decorrente do escoamento superficial das águas da chuva.

“A implementação dos projetos demonstrativos representa um avanço no caminho de desenvolvimento urbano sustentável do país, na medida em que impulsionam o fortalecimento institucional das regiões participantes, a implementação de soluções baseadas na natureza, a promoção de serviços ecossistêmicos e o desenvolvimento urbano sustentável, que pensa em um futuro melhor para todos”, esclareceu Rodrigo Corradi, secretário executivo adjunto do Iclei América do Sul.

Finalizada a etapa de instalação, terá início a fase de acompanhamento do projeto. “Após a conclusão de todo o processo, será feita a observação naquela área para, se for o caso, fazer alguma adequação do processo”, informou a superintendente de Políticas Ambientais de Contagem, Sirlene Almeida.

A inauguração está prevista para o mês de janeiro, ainda que o Jardim de Chuva seja entregue antes.

Sobre o projeto

Para contribuir com a diminuição do escoamento da água da chuva, a implementação de jardins de chuva possibilita que a água seja filtrada pela vegetação e absorvida pelo solo. Assim, as plantas utilizadas neste projeto foram pensadas para melhorar a qualidade da água por meio da fitorremediação – uma técnica que utiliza a capacidade de absorção de contaminantes das raízes das plantas para ajudar a diminuir a poluição do solo e da água. 

Ao serem implementados em larga escala, os jardins de chuva retêm parte do escoamento pluvial, contribuem para a diminuição do risco de inundações, melhoram a qualidade da água e do solo e promovem a biodiversidade local.

As espécies vegetais plantadas atraem animais da fauna local que atuam como polinizadores e controle ecológico de pragas. Insetos como joaninhas, tesourinhas, borboletas, crisopas, abelhas e vespas solitárias necessitam de abrigo para viverem perto do jardim. Gravetos, restos de madeira, folhas e outros elementos naturais podem ser reunidos para criarem um abrigo do sol, chuva e vento.

A proposta é que o modelo do Jardim de Chuva seja replicado em outros espaços públicos como praças e parques, por exemplo, sendo uma possível solução para aumentar a permeabilidade do solo, a biodiversidade, e uma diminuição nos alagamentos devido às chuvas que ocorrem, principalmente, no final do ano.

Iclei América do Sul

Iclei Governos Locais pela Sustentabilidade é uma rede global, com mais de 2.500 governos locais e regionais, comprometida com o desenvolvimento urbano sustentável. Em mais de 125 países, incentivam políticas de sustentabilidade e impulsionam a ação local para o desenvolvimento de baixo carbono, baseado na natureza, equitativo, resiliente e circular.

Meio Ambiente - 21/10/2021, 17:17:57 - Repórter: - Foto: Divulgação Guajava

Notícias relacionadas

Secretaria Municipal de Comunicação | Prefeitura de Contagem
Desenvolvido: Secretaria Municipal de Comunicação