Pela primeira vez, Contagem participa do Dia Internacional da Animação

Alunos das Escolas Municipais Newton Amaral Franco e Vasco Pinto integraram a iniciativa e tiveram suas produções audiovisuais exibidas na Mostra Regional

Cultura - 01/11/2019, 15:26:27 - Repórter: - Foto: Ronaldo Leandro

Ronaldo Leandro

O Dia Internacional da Animação (DIA) é uma mostra de curtas-metragens de desenhos animados nacionais e internacionais que acontece no dia 28 de outubro, simultaneamente, em centenas de cidades do Brasil. O evento é realizado pela Associação Brasileira de Cinema de Animação (ABCA) desde 2004 e, neste ano, pela primeira vez, Contagem participou da mostra oficial, sendo um dos 14 municípios mineiros a fazer parte da programação. No município, a coordenação do DIA ficou a cargo da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Juventude (Secej), por meio do CineClube Contagem.

Nesta, que é a 16ª edição do DIA, mais de 150 cidades de todas as regiões do país integraram a programação oficial da mostra, composta por curtas-metragens brasileiros (mostra nacional) e estrangeiros (mostra internacional). Os mesmos curtas foram exibidos tanto em grandes centros como em locais onde não há salas de cinema. O objetivo do DIA é ampliar o acesso e fomentar o conhecimento do público em relação ao universo do cinema de animação produzida no Brasil, gerando integração cultural entre as regiões do país, mobilizando diversas comunidades e facilitando a inclusão e o acesso da população à cultura.

Em Contagem, a exibição ocorreu na Primeira Igreja Batista do Petrolândia, no bairro e regional de mesmo nome. Um público de cerca de 80 pessoas, entre alunos das Escolas Municipais Newton Amaral Franco (Petrolândia) e Vasco Pinto da Fonseca (Eldorado) e população do entorno, acompanhou, além das mostras nacional, internacional e infantil, uma exibição regional, com curtas produzidos em Contagem e Belo Horizonte. Na ocasião, houve também um bate-papo com os alunos dessas duas escolas, que estão produzindo trabalhos na área do cinema e da animação, exibição de curtas produzidos por alunos das duas escolas e a entrega de 25 medalhas de Honra ao Mérito, em virtude dessas iniciativas. Professores e alunos foram contemplados pela honraria.

E no dia seguinte, 29/10, a iniciativa teve continuidade, com uma programação para além das atividades oficiais do DIA: na Casa Amarela do Centro Cultural de Contagem (CCC), cinco alunos da escola Newton Amaral Franco ofertaram uma oficina de Stop Motion a 16 professores da rede municipal, a maioria lecionadores de Arte, algo inédito para os padrões de aprendizagem, que costumam se dar com a transmissão de conhecimento de cima para baixo (professores para alunos). “Esses professores serão certificados em função da formação que receberam desses alunos, que ensinaram técnicas de Stop Motion”, explica a coordenadora do CineClube Contagem, Mônica Alves.

Alunos e cineastas

Paulo Pereira

A Escola Municipal Newton Amaral Franco notabilizou-se por causa do projeto “Luz, Câmera e Ação!”, no qual estudantes foram responsáveis por criar roteiros, gravar e finalizar dois curtas e sete animações, sob temas como preconceito, racismo, meio ambiente e amizade, que foram parar na tela do Cine Humberto Mauro, no Palácio das Artes, em BH, e selecionados para um dos maiores festival de animação das Américas, o Anima Mundi, no mês de julho deste ano. Esses trabalhos foram feitos sob a coordenação da bibliotecária da Newton Amaral Franco, Sheila Rodrigues, responsável pela iniciativa.

Já na Escola Municipal Vasco Pinto, por meio do projeto “Memória, Imagem e Movimento – Mimo”, coordenado pelos professores de História Heloisa Helena Caputo e Márcio Januário Pereira, alunos no 8º ano do Ensino Fundamental vêm sendo estimulados a fazer registros de filmes e vídeos a partir de exercícios de filmagem, exibições de filmes e reflexões para apurar os olhares sobre o mundo. O Mimo teve início no ano passado e foi proposto a partir de um projeto anterior, denominado “Inventar com as diferenças”, que ocorreu entre os anos de 2016 e 2017. Graças a essas experiências, um curta produzido no ano de 2018 por alunos do Vasco Pinto foi o único filme brasileiro entre os 13 selecionados a figurar na edição de 2019 “Cine a la Vista!”, um festival internacional de cinema para adolescentes de San Martín de los Andes, na Argentina.

O que é Stop Motion

Os conceitos de animação e de Stop Motion, traduzido em português como “quadro-a-quadro”, estão relacionados a uma técnica de animação muito usada com recursos de uma máquina fotográfica ou de computação gráfica. O material utilizado precisa ser resistente e maleável, porque é fotografado quadro a quadro para, só depois, ser montado em uma película cinematográfica, criando a impressão de movimento. Podem ser acrescentados efeitos sonoros, como fala ou música. Seres vivos e inanimados e desenhos podem ser usados na técnica. O método foi popularizado pelo estúdio de desenhos animados Hanna-Barbera.

O DIA no mundo

A data foi escolhida porque, no dia 28 de outubro de 1892, Charles-Émile Reynaud realizou a primeira projeção pública de imagens animadas do mundo, exibindo o filme “Pauvre Pierrot”, no Museu Grévin, em Paris, na França. Inspirada nesse fato, em 2002, a Associação Internacional do Filme de Animação (ASIFA) lançou a comemoração do Dia Internacional da Animação (DIA), contando com diferentes grupos internacionais filiados em mais de 30 países, como Estados Unidos, França, Portugal, Coreia do Sul, Egito, Austrália, Japão, que também celebram a data.

Confira mais informações sobre a 16ª edição do DIA no site: (clique aqui)

Cultura - 01/11/2019, 15:26:27 - Repórter: - Foto: Ronaldo Leandro

Dia Internacional de Animação

Notícias relacionadas

Secretaria Municipal de Comunicação | Prefeitura de Contagem
Desenvolvido: Secretaria Municipal de Comunicação