Equipe da Semad vistoria áreas urbanas que apresentam problemas ambientais

A equipe da Superintendência de Controle Ambiental da Semad visitou cinco áreas selecionadas através de denúncias, onde fez o levantamento dos problemas e uma avaliação em relação a aspectos ambientais variados

Meio Ambiente - 12/08/2019, 11:51:39 - Repórter: - Foto: Divulgação

A Prefeitura de Contagem, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad), realizou uma operação de vistoria em áreas urbanas. O objetivo foi avaliar e estabelecer um planejamento para corrigir irregularidades ambientais que atingem os moradores da cidade. A vistoria faz parte do recém-lançado Projeto Mapa Socioambiental. A equipe da Superintendência de Controle Ambiental da Semad visitou cinco áreas selecionadas através de denúncias, onde fez o levantamento dos problemas e uma avaliação em relação a aspectos ambientais variados. 

presidente da ONG Conviverde e membro do Conselho Ambiental de Contagem (Comac), Cecília Ruth de Andrade, recebeu as denúncias dos moradores e acompanhou toda a operação. “No nosso trabalho somos procurados por vários cidadãos. Eles nos encaminham demandas ambientais que estão acontecendo em suas propriedades e/ou na região onde moram. A gente procurou a Semad, que hoje está nos ajudando a achar uma solução para cada problema levantado. Quero dizer que sem o apoio da Semad, esse trabalho seria impossível”, conta. 

 Entre as áreas visitadas está a Escola Municipal Antônio Carlos Lemos, ao lado do Parque Ecológico do Eldorado, onde foi avaliada a possibilidade de drenar corretamente a nascente existente no local para, em junção com a drenagem de água pluvial, formar um espaço sensorial e um lago que, além de servir à educação dos alunos, também ajudaria a evitar inundação em épocas de chuvas. Em outro local, foi verificada a atual situação de uma nascente, recuperada em parceria com o Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas (CBH Velhas). 

Moradora do bairro Água Branca, Ilda Aparecida Antunes, chamou a equipe para resolver a contaminação de um poço artesiano, localizado dentro da sua propriedade. “A contaminação está vindo através do solo, do lençol freático. Esse poço existe há mais de setenta anos e, de dois anos para cá, temos percebido um forte cheiro de gasolina e óleo. A gente usava essa água para tudo, inclusive para cozinhar e beber. Fizemos a análise da água e procuramos ajuda da Cecília, que hoje trouxe a equipe da Semad. Temos muita esperança de que agora chegaremos a uma solução”, comemora. 

 A operação vai acontecer uma vez por semana, e deverá atender às denúncias dos cidadãos. A ideia é dar as soluções possíveis para cada área dentro de uma ideia de sustentabilidade real, aproveitando as características do local e considerando que já se encontram em local urbanizado e antropisado. 

Meio Ambiente - 12/08/2019, 11:51:39 - Repórter: - Foto: Divulgação

Notícias relacionadas

Secretaria Municipal de Comunicação | Prefeitura de Contagem
Desenvolvido: Secretaria Municipal de Comunicação