Defesa Social lança o projeto “Mulheres da Paz/Protejo” para enfrentamento à violência no Petrolândia

Meta é levar as ações para outras regionais de Contagem

Defesa Social - 11/07/2019, 17:51:16 - Repórter: - Foto: Paulo Pereira

Ações também beneficiam trabalho das forças de segurança pública, destaca o secretário de Defesa Social

Com a presença do prefeito Alex de Freitas e da primeira-dama Luciana de Freitas, foi lançado nesta quinta-feira (11) o projeto “Mulheres de Paz/Protejo”. O objetivo é capacitar e empoderar mulheres já reconhecidas pela atuação e liderança social na regional Petrolândia e o resgate de jovens de 15 a 24 em situação de vulnerabilidade social na mesma região. O evento no auditório da Prefeitura teve a apresentação das linhas gerais do programa.

Também estavam presentes o secretário Municipal de Defesa Social, Décio Camargos, a secretária Luiza Ferreira (Desenvolvimento Social), representantes da Guarda Civil, Polícia Militar, da OAB/Contagem, empresários e integrantes da sociedade civil. O prefeito enalteceu a iniciativa e declarou apoio irrestrito ao projeto. “Sou entusiasta de qualquer projeto que iniba e combata a violência, sobretudo contra as mulheres. Vocês têm o meu entusiasmo e toda a disposição do governo. Deixo aqui meu desejo que esse projeto seja muito vitorioso”, afirmou.

Por meio de convênio do Ministério da Justiça e Segurança Pública com a Prefeitura de Contagem, e sob tutela da Secretaria de Defesa Social, 60 mulheres escolhidas por processo seletivo serão capacitadas inicialmente por uma equipe multiprofissional, composta por psicólogo, pedagogo, advogado, assistente social, além de um educador social e um assistente administrativo. Em seguida, haverá aulas com professores e instrutores, totalizando 224 horas/aula com todo o conteúdo do projeto ao longo de 15 meses.

Cada mulher inscrita ficará responsável por 12 famílias, disseminando os conceitos assimilados a cerca de 100 jovens em situação de risco nas comunidades do Petrolândia, proporcionando a eles meios para recuperar a autoestima, a inserção no meio social, com oportunidade de desenvolvimento de suas potencialidades e para o crescimento familiar, social e profissional. As aulas começam na próxima segunda-feira (15) na Escola Municipal Senador José de Alencar, localizada no Bairro Sapucaias II.

As diretrizes foram apresentadas pela superintendente de Prevenção ao Uso de Drogas, Kátia Bordoni

As diretrizes foram apresentadas pela superintendente de Prevenção ao Uso de Drogas, Kátia Bordoni

Superintendente de Prevenção ao Uso de Drogas da Secretaria de Defesa Social, Kátia Bordoni pormenorizou o alcance do projeto para a plateia.  “Nós vamos empoderar essas mulheres de conhecimento, de técnicas, de conhecimento do espaço local para que elas possam, junto com os 100 jovens alvos do projeto, nos ajudar na condução e orientação de outros jovens, para que a gente possa ter, verdadeiramente, um território de paz, um território de união. O foco do projeto é o enfrentamento à violência”, afirmou.

Os jovens serão acompanhados e orientados pelas mulheres inscritas para, por exemplo, terem aptidão na resolução de conflitos de maneira pacífica, na prevenção do consumo de drogas, conceitos de sexualidade, família, além da paternidade/maternidade responsável e noções básicas de direito. Ainda no âmbito da grade curricular do programa, os alunos vão receber orientações sobre qualificação profissional, informática, além de atividades esportivas e de lazer, contemplando 600 horas/aula.

O secretário Décio Camargos exaltou a escolha de Contagem como um dos municípios contemplados. “A gente está muito feliz. Esse projeto passou por vários problemas burocráticos. Mas nessa gestão, nós conseguimos tirá-lo do papel e o implantarmos na região do Petrolândia. A gente sabe que todas as ações na intenção de promover a paz são benéficas não só para a população, mas para as forças de segurança pública”, avaliou, relembrando que o projeto foi inscrito em 2013, mas só com o empenho da atual gestão foi colocado em prática. Ele conta com a melhoria da economia nacional para que o projeto, por meio do convênio federal, seja estendido a outras regiões da cidade.

A primeira-dama Luciana de Freitas lembrou a participação ativa das mulheres na atual gestão e parabenizou a todos pela iniciativa. “Esse projeto é extremamente importante, porque chama a atenção dos jovens, chama a comunidade para estarmos juntos. A gente só consegue chegar a algum lugar se nos unirmos. Graças a Deus, conseguimos que esse projeto fosse iniciado”, salientou.

Defesa Social - 11/07/2019, 17:51:16 - Repórter: - Foto: Paulo Pereira
Tags:

Lançamento do projeto”Mulheres da Paz/Protejo”

Notícias relacionadas

Secretaria Municipal de Comunicação | Prefeitura de Contagem
Desenvolvido: Secretaria Municipal de Comunicação