Delegacia da Mulher e violência contra a mulher foram temas discutidos em reunião com o prefeito

Foram discutidos os possíveis locais para a mudança da sede da Delegacia da Mulher de Contagem

Direitos Humanos - 04/04/2019, 15:13:33 - Repórter: - Foto: Cássio Matias

Prefeito recebeu parceiros para tratar sobre a violência contra a mulher

Representantes da OAB Subseção Contagem, da Polícia Civil, da Superintendência de Política Pública para Mulheres e da Delegacia da Mulher (DEAM) se reuniram com o prefeito Alex de Freitas na última terça-feira (2), em seu gabinete. O motivo da reunião foi discutir os possíveis locais para a mudança da sede da Delegacia da Mulher de Contagem, que hoje está localizada na Rua Manoel Teixeira Camargos, 63, bairro da Glória, Regional Eldorado, para um local mais próximo e articulado com as sedes da OAB,  da Superintendência/ Espaço Bem-Me-Quero, da Defensoria Pública (NUDEM), do Fórum e do Ministério Público, ambos na região central da cidade.

Na reunião, também foi solicitado um projeto de implementação de plantões de 24h, finais de semanas e feriados para atendimento à mulher em situação de violência, e escolta nos encaminhamentos para mulheres vítimas de violência até um abrigo de proteção. Também foi pautada a implementação de uma tecnologia israelense, em que o prefeito Alex tomou conhecimento em viagem ao país, no ano passado.

Na ocasião, o prefeito orientou na formação de uma equipe para dar andamento no projeto da nova sede da DEAM. Esta equipe será composta pela Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania/ Superintendência de Políticas Públicas para Mulheres, Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, Delegacia Regional Contagem/ DEAM e OAB Subseção Contagem.

Alex de Freitas disse que o funcionamento conjunto das ações do município aperfeiçoará o atendimento nesse momento tão delicado. “Temos visto e convivido com situações absolutamente inaceitáveis. A mulher precisa ser respeitada e temos que ter a consciência que ela não é uma propriedade. Precisamos proteger a mulher, as crianças e cuidar da cidade”, disse.

Ainda de acordo com Freitas, toda a rede da Prefeitura está autorizada a fazer os investimentos necessários para otimizar e poder funcionar de forma conjunta e harmônica esses dois serviços importantes para proteção que a mulher precisa. “Nesse momento difícil da mulher, ela chega fragilizada e traumatizada e precisa mais do que fazer a denúncia na delegacia. A Prefeitura, enquanto eu estiver aqui, terá todo o esforço para que melhore e aperfeiçoe e faça os investimentos para aprimorar o atendimento à mulher e para que consigamos ver, o mais breve possível, a redução desses índices que envergonham a nossa cidade”, alegou o prefeito.

O presidente da OAB Contagem, Sanders Alves, agradeceu ao prefeito pela oportunidade da reunião. “Agradeço ao Alex, por nos receber para tratar dessa questão tão sensível a todos nós, que é muito importante, que é implementar a Delegacia da Mulher em Contagem, sabendo que ele tem o mesmo sentimento nosso de acolhimento às vítimas e também de combate à essa violência. Temos um índice de violência contra a mulher em Contagem muito grande e isso é muito ruim”, destacou.

“O prefeito Alex tem dado 100% de apoio a nossa causa da segurança pública em Contagem. Enquanto estiver aqui, darei o meu máximo para minimizar todos os problemas que hoje habitam em Contagem, dentre elas a questão da violência contra a mulher”, disse o delegado regional de Contagem da Política Civil, Frederico Grossi.

A delegada da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher de Contagem, Laise Rodrigues, destacou o trabalho que a cidade tem prestado quanto à esta causa. “Se não fosse a nossa rede de enfrentamento, o Município, junto com a Superintendência, o Conselho Municipal da Mulher, o Comitê Interinstitucional de Enfrentamento à Violência Contra a Mulher, teríamos hoje índices muito mais elevados e alarmantes. O nosso anseio é colocar um projeto para funcionar tanto a sede da Delegacia de Mulheres, quanto o espaço Bem-Me-Quero no mesmo local, ou bem próximos”, argumentou.

A superintendente de Políticas Públicas para Mulheres, Gê Nogueira, afirmou que o seu trabalho é o da proteção à mulher. “O índice de violência contra a mulher é muito alto, mas o que nos deixa um pouco mais tranquilas, mas não felizes, é que estamos lutando para que isso diminua significativamente até zerar. Estamos trabalhando nisso por meio do Comitê de Enfrentamento à Violência Contra a Mulher; na construção do fluxo do atendimento à mulher; na busca da efetivação da implantação da Vara Especializada em Atendimento à Mulher em Contagem, e também a cadeia de custódia a ser implantada na rede de Saúde Municipal da cidade. Toda essa pauta está em nossa luta diária. Queremos deixar este legado para as mulheres da nossa cidade. É o que estamos buscando”, disse.

Tecnologia em Israel

Durante viagem com uma comitiva de Contagem para Israel, o prefeito conheceu uma tecnologia para diminuir o número de feminicídios. Trata-se de um recurso tecnológico que alerta as forças de segurança quando o agressor está próximo da mulher ameaçada. De acordo com Alex, essa tecnologia promove essa segurança a um custo relativamente baixo para o benefício que tem. “Onde ela foi implementada os casos de feminicídios zeraram. Então, em breve, Contagem vai ser protagonista oferecendo esse recurso a essas mulheres ameaçadas”, disse.

Direitos Humanos - 04/04/2019, 15:13:33 - Repórter: - Foto: Cássio Matias
Tags:

Notícias relacionadas

Secretaria Municipal de Comunicação | Prefeitura de Contagem
Desenvolvido: Secretaria Municipal de Comunicação