Posts com a Tag ‘Contagem’

Escola Municipal José Silvino Diniz é revitalizada

A escola recebeu pintura e reformas pontuais. O investimento foi de R$180 mil.

A obra de revitalização da Escola Municipal José Silvino Diniz, localizada no bairro Solar do Madeira, regional Petrolândia, foi concluída pela Prefeitura de Contagem, por meio da Secretaria Municipal de Obras de Obras e Serviços Urbanos (Semobs). A escola recebeu pintura e reformas pontuais. O investimento foi de R$180 mil.

Segundo o engenheiro, Rodrigo Dornelas. Ele contou que foi feita uma avaliação no local para identificar onde seria preciso reformar. “Observamos que algumas paredes estavam mofadas, o que poderia trazer danos à saúde dos estudantes, então, tratamos de solucionar este problema”, afirmou.

Dornelas disse também que parte da escola nunca havia recebido o serviço de pintura, importante para manter o ambiente escolar em boas condições. “Um ambiente adequado pode estimular o desempenho dos alunos. Além de bonito, o ambiente fica mais agradável”, ressaltou.

O administrador da regional Petrolândia, Gedean Barbosa, destacou que a população estava ansiosa com a reforma da escola e que a intervenção não foi paralisada em meio à pandemia. “A revitalização continuou seguindo as devidas recomendação para evitar a proliferação da covid-19. A comunidade local ficou satisfeita com a melhoria. E, no retorno das aulas, os alunos irão se deparar com uma escola mais bonita e acolhedora para prosseguir com os estudos com mais dignidade.” acrescentou.

A diretora da escola, Maria Aparecida da Silva Batista (Batista), há 5 anos na diretoria da escola, disse que está satisfeita com o engajamento surpreendente da prefeitura. “ Já foram feitos inúmeros serviços de melhorias na escola, como construção de salas, reformas no piso e, agora, a pintura e as reformas pontuais. É um avanço positivo que tem como objetivo oferece aos estudantes e à comunidade um tratamento mais digno, como de fato merecem. Agradecemos aos envolvidos pelo empenho e carinho com nossa escola.”destacou.

Reportagem: Estagiário Cezar Gomes sob supervisão de Nayara Vianna
Foto: Divulgação

Prefeitura de Contagem baixa Decreto com medidas de combate ao Coronavírus que engloba interrupção das aulas

Foi criado o Comitê Intersetorial de Crise do Covid 19, com integrantes de todas as secretarias e autarquias municipais, que farão reuniões semanais.

O prefeito de Contagem, Alex de Freitas, assinou nesta segunda-feira (16 de março de 2020) o Decreto nº 1.510 com série de providências para enfrentamento do Covid 19 no Município. São orientações e medidas com embasamento sanitário cujo foco é evitar ao máximo aglomerações de pessoas e consequentemente a possibilidade de propagação do Coronavírus. As aulas estarão suspensas em todas as escolas a partir da próxima quarta-feira (18 de março). Também fica estipulada a interrupção do funcionamento dos três restaurantes populares (Ressaca, Eldorado e Nova Contagem) e o atendimento na Receita Municipal e Sistema Nacional de Empego (Sine).

O Decreto estipula a criação do Comitê Intersetorial de Crise do Covid 19, com integrantes de todas as secretarias e autarquias municipais, que farão reuniões semanais. “Também poderão ser convocadas reuniões extraordinárias determinadas pelo prefeito. As regras do Decreto entram em vigor imediatamente, mas ajustes serão feitos ao longo dos dias”, destaca o presidente do Comitê, o secretário Municipal de Saúde Cleber de Faria. Ele ressalta que foram traçadas ações internas, externas e de efeito externo.

Na Saúde, foi ampliado o número de leitos de tratamento intensivo e semi-intensivo, feitas mudanças nas regras de visitas a pacientes no Complexo Hospitalar, Unidades de Pronto-Atendimento (UPAs) e Unidades Básicas de Saúde (UBSs), bem como nos serviços prestados no Centro de Consultas Especializadas (CCE) Iria Diniz, CCE Ressaca e Centro Especializado em Reabilitação (CER IV). Será publicado nesta semana um Plano de Contingência sobre o atendimento na rede municipal de Saúde. Também foi antecipada a aquisição de insumos hospitalares para um possível período crítico da doença em Contagem.

Alex de Freitas explica que o Comitê Intersetorial trabalha com mais duas fases de enfrentamento do Coronavírus. “São ações lideradas pela secretaria Municipal de Saúde com as devidas orientações da Secretaria Estadual e do Ministério da Saúde, baseadas em protocolos de vigilância sanitária, necessárias para que não tenhamos perdas de vidas humanas em Contagem”, disse.

DECRETO Nº 1.510, DE 16 DE MARÇO DE 2020

Declara Situação de Emergência em Saúde Pública no Município de Contagem e dispõe sobre medidas de enfrentamento da pandemia provocada pelo novo Coronavírus (COVID-19).

O PREFEITO MUNICIPAL DE CONTAGEM, no exercício da atribuição legal lhe confere o inciso XIII do art. 92 da Lei Orgânica do Município, tendo em vista a Lei Federal nº 13.979, de 6 de fevereiro de 2020;
Considerando a Declaração de Emergência em Saúde Pública de Importância Internacional pela Organização Mundial da Saúde em 30 de janeiro de 2020, em decorrência da Infecção Humana pelo novo Coronavírus (COVID-19);

Considerando a Portaria nº 188/GM/MS, de 4 de fevereiro de 2020, que Declara Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional (Espin) pelo Ministério da Saúde, em decorrência da Infecção Humana pelo novo Coronavírus;

Considerando a Portaria nº 356, de 11 de março de 2020, que dispõe sobre a regulamentação e operacionalização do disposto na Lei Federal nº 13.979, de 2020;

Considerando a necessidade de mitigação de disseminação da doença em face dos elevados riscos de saúde pública;

DECRETA:

CAPÍTULO I – DISPOSIÇÕES INICIAIS

Art. 1º: Fica declarada Situação de Emergência em Saúde Pública no Município de Contagem, em razão de epidemia de doença infecciosa viral respiratória – COVID-19, causada pelo agente Novo Coronavírus – SRAS-CoV-2 – 1.5.1.1.0.

Art. 2º: Nos termos do §7º do inciso III do art. 3º da Lei Federal nº 13.979, de 2020, para enfrentamento da emergência de saúde pública, decorrente do Coronavírus, poderão ser adotadas as seguintes medidas:
I – determinação de realização compulsória de:
a) exames médicos;
b) testes laboratoriais;
c) coleta de amostras clínicas;
d) vacinação e outras medidas profiláticas;
e) tratamentos médicos específicos;

II – estudo ou investigação epidemiológica;
III – requisição de bens e serviços de pessoas naturais e jurídicas, hipóteses em que será garantido o pagamento posterior de indenização justa.

Art. 3º: Fica dispensada a licitação para aquisição, bens, serviços e insumos de saúde destinados ao enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do Coronavírus de que trata este Decreto, nos termos do art. 4º da Lei Federal nº 13.979, de 2020.

Art. 4º: Fica instalado o Centro de Operações de Emergência em Saúde (COE Contagem COVID-19), coordenado pela Secretaria Municipal de Saúde, para monitoramento da emergência em saúde pública declarada.
§1º Compete ao COE Contagem COVID-19 modificar/alterar as medidas referentes ao enfrentamento da proliferação do COVID-19, de acordo com a evolução do cenário epidemiológico.
§2º Compete ao COE Contagem COVID-19 a elaboração do Plano de Contingência para enfrentamento ao COVID-19, devendo ser publicado por ato do Chefe do Poder Executivo Municipal.

Art. 5º: Fica instituído o Comitê intersetorial de Enfrentamento ao COVID-19, composto por 1 representante de cada Pasta da Administração Pública Municipal.

Art. 6º: A tramitação dos processos referentes a assuntos vinculados a este Decreto correrá em regime de urgência e prioridade em todos os órgãos e entidades da Administração Pública Municipal.

Art. 7º: Os Gestores dos Contratos de prestação de serviço deverão notificar as empresas contratadas quanto à responsabilidade em adotar os meios necessários para conscientizar seus empregados sobre as medidas de enfrentamento ao COVID-19, bem como sobre a necessidade de informar a ocorrência de sintomas respiratórios ou de febre, sob pena de responsabilização contratual em caso de omissão que cause prejuízo à Administração Pública Municipal.

Art. 8º: Para o enfrentamento da emergência de saúde pública de importância nacional e internacional, decorrente do Coronavírus (COVID-19), os órgãos da Administração Pública Municipal adotarão as orientações e recomendações do Ministério da Saúde e da Organização Mundial de Saúde, bem como das entidades de saúde estadual e local, com o objetivo de proteção da coletividade.

CAPÍTULO II – DAS DISPOSIÇÕES GERAIS
Art. 9º: A prestação de serviços públicos deverá ser avaliada por cada Pasta, com normativas específicas, respeitando as peculiaridades de cada serviço e o risco envolvido em cada atendimento, mantendo-se as orientações de segurança individual e utilização de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), máscara e álcool, com a prerrogativa de atendimento mínimo ou suspensão imediata.

Art. 10: A chefia imediata de cada órgão poderá dispensar seus servidores, com idade superior a 60 anos, para execução de suas atividades por trabalho remoto, observadas as regras dispostas no Decreto nº 1.503, de 12 de março de 2020.
Parágrafo único: A previsão contida no caput deste artigo não se aplica aos profissionais da Saúde e da Segurança Pública.

Art. 11: As contratações temporárias poderão ser prorrogadas além do prazo estipulado em Lei para o enfrentamento ao COVID-19, desde que devidamente justificadas pelo ordenador de despesas da Pasta.

Art. 12: Ficam suspensas:
I – as aulas da Rede de Ensino de Contagem, a partir do dia 18 de março de 2020, por prazo indeterminado;
II – a realização de eventos de massa (governamentais, esportivos, artísticos, culturais, políticos, científicos, comerciais e religiosos), com público superior a:
a) 200 (duzentas) pessoas em espaços abertos; e
b) 100 (cem) pessoas em espaços fechados;

III – as feiras livres, visitações a parques, casas de cultura e atividades em organizações não governamentais (ONGs) e associações comunitárias;
IV – as reuniões de Conselhos Municipais ou outras formas de colegiados, salvo situações específicas devidamente justificáveis;
V – a realização de atendimento ao público nos seguintes órgãos:
a) Procon – Contagem;
b) Receita Municipal; e
c) Sine – Contagem.

Art. 13: Recomenda-se:
I – o fechamento de academias e cinemas pelo prazo de 15 (quinze) dias a partir do dia 18 de março de 2020, devido à alta rotatividade diária de pessoas nestes locais, ainda que em um mesmo instante não haja público superior a 100 (cem) pessoas, conforme disposto na alínea “b” do inciso II do art. 12 deste Decreto;
II – às clínicas privadas que organizem seus horários de atendimento de forma a evitar aglomerações de pessoas, reforçando as medidas de higienização com a disponibilização de álcool gel 70% e EPIs, respeitando as peculiaridades de cada serviço e o risco envolvido em cada atendimento;
III – que sejam reforçadas as medidas de higienização e disponibilizados álcool gel 70% em locais de grande circulação de pessoas, como terminais urbanos, shoppings centers, e comércio em gera.

Art. 14: Os serviços de alimentação, restaurantes, lanchonetes e bares deverão adotar medidas de prevenção para conter a disseminação do COVID-19.

Art. 15: Considerar-se-á abuso do poder econômico a elevação de preços, sem justa causa, com o objetivo de aumentar arbitrariamente os preços dos insumos e serviços relacionados ao enfrentamento do COVID-19, na forma do inciso III do art. 36 da Lei Federal nº 12.529, de 30 de novembro de 2011, e do inciso II do art. 2º do Decreto Federal nº 52.025, de 20 de maio de 1963, sujeitando às penalidades previstas em ambos os normativos.
Parágrafo único. O Procon de Contagem, no âmbito de sua atuação, deverá realizar fiscalizações para coibir o aumento arbitrário de preços dos insumos e serviços relacionados ao enfrentamento do COVID-19.

CAPÍTULO III – DAS AÇÕES ESPECÍFICAS A ÁREA DA SAÚDE
Art. 16: Os serviços eletivos de saúde serão avaliados por meio de normativas específicas, respeitadas as peculiaridades de cada serviço e o risco envolvido em cada atendimento.

Art. 17: Ficam mantidas as férias regulamentares e prêmio dos servidores da Saúde já agendadas, podendo os servidores serem convocados conforme a necessidade da Secretaria Municipal de Saúde, devendo se apresentar num prazo máximo de 48 horas.

Art. 18: Ficam suspensas:
I – por tempo indeterminado:
a) as cirurgias eletivas;
b) as aulas do Programa Movimenta Contagem;
c) as visitas técnicas e os estágios em geral, nos seguintes equipamentos de Saúde:
1. Complexo Hospitalar Municipal;
2. Unidades de Pronto Atendimento (UPA);
3. Unidades de Saúde e Centros de Consultas Especializadas;

II – no período de abril a junho de 2020: as concessões de férias regulamentares e prêmios aos servidores públicos da Saúde.

Art. 19: As receitas médicas passam a ter validade por 90 dias.

Art. 20: Fica estabelecida a restrição das visitas no âmbito do Complexo Hospitalar Municipal e UPAS, sendo:
I – pacientes maiores de 60 anos, crianças e gestantes: mantém 1 (um) acompanhante a cada 12 horas, sendo este com idade inferior a 60 anos, vedada as visitas por tempo indeterminado; e
II – pacientes com menos de 60 anos: no máximo 2 (dois) visitantes, de forma individualizada, com idade inferior a 60 anos, conforma a escala prevista no Anexo Único deste decreto.
Parágrafo único. Todos os visitantes deverão assinar um Termo de Consentimento e Orientação, sendo vedada a visita por pessoas que apresente qualquer sintoma gripal, podendo ocorrer a suspensão definitiva das visitas caso o cenário se configure para tal ação.

Art. 21. Às Instituições de Longa Permanência (ILPIs), aplicam-se os mesmos critérios de visitação estabelecidos para o Complexo Hospitalar Municipal e UPAs.

Art. 22. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.

RESTRIÇÃO DOS VISITANTES E ACOMPANHANTES:

* Pessoas a partir de 60 anos de idade.

* Gestantes ou imunossuprimidos.

Reportagem: Ernesto Braga
Foto: Cássio Matias
Publicação: 16/03/2020

Estão abertas as inscrições para o II Seminário de Abertura do Ano Letivo de 2020

O evento é voltado para todos os profissionais da Rede Municipal de Ensino e da Funec, e será realizado no Centro de Convenções Actuall

A Secretaria Municipal de Educação (Seduc) e a Fundação de Ensino de Contagem (Funec) irão promover, no dia 5 de fevereiro, o II Seminário de Abertura do Ano Letivo de 2020. O evento é voltado para todos os profissionais da Rede Municipal de Ensino e da Funec, e será realizado no Centro de Convenções Actuall.

As atividades terão início às 8h e vão até as 17h. O encontro contará com os convidados Sérgio Pererê, Titane, Ricardo Ramos Fragelli, José Manuel Moran e Tiãozinho. As inscrições podem ser feitas a partir desta segunda-feira (13) por meio do “Blog Estuda Contagem”.

Os servidores da Educação que queiram participar podem se inscrever AQUI até as 17h do dia 3 (segunda-feira) de fevereiro.

Vale destacar que o início do Ano Escolar será no dia 3 de fevereiro (segunda-feira) para os professores. A terça-feira (4) também é dia escolar em toda a rede municipal de ensino para os profissionais do ensino público municipal. A abertura do Ano Letivo (com os estudantes) vai acontecer no dia 6 de fevereiro (quinta-feira).

Reportagem: Leonardo Melo
Arte: Renata Coura
Publicação: 13/02/2020

Inscrições para processo seletivo de oficineiros dos Educartes começam dia 06/01

A Sociedade Cultural e Religiosa de Minas Gerais (SCRMG) abriu processo seletivo para contratação de profissionais para atendimento a estudantes e comunidade nos espaços educativos “Educartes”. Os oficineiros serão responsáveis por ministrar as atividades culturais, educativas, recreativas e esportivas, em tempo integral e em atividades complementares.

Para participar do processo seletivo é necessário enviar o currículo para convenio_oficineiro2015@scrmg.org.br (no período de 06/01/2020 a 15/01/2020). O candidato deve identificar a oficina pretendida no campo “assunto”. Podem participar pessoas com Ensino Médio completo. É desejável formação e qualificação profissional específica na área pretendida (certificado) e experiência comprovada na função acima de um ano. Após a análise dos currículos, os selecionados passarão por etapas de entrevistas.

Abaixo, segue a lista das oficinas:
– Acompanhamento Pedagógico (português, inglês, espanhol, matemática e dever de casa);
– Artesanato, costura, pintura em tecido e em tela, desenho, bordado;
– Dança (jazz, ballet, hip-hop, dança de salão, danças urbanas);
– Educação patrimonial, meio ambiente;
– Esporte, lazer e atividade física (futebol, futsal, handebol, vôlei, basquete, peteca, natação, hidroginástica, recreação, tênis de mesa, atletismo, zumba, ginástica);
– Judô, karatê, taekwondo, capoeira;
– Música, instrumentos de corda, sopro e percussão, canto e coral;
– Prática circense;
– Teatro.

Cronograma do processo seletivo:
06/01 a 15/01 – Recebimento dos currículos.
16/01 a 20/01 – Analise dos currículos.
21/01 a 28/01 – Entrevistas.
29/01 a 31/01 – Contratações.

Reportagem: Leonardo Melo
Arte: Renata Coura
Publicação: 20/12/2019

Prefeitura concede novo reajuste de repasses para as creches parceiras

Somando aos repasses já concedidos neste ano o acumulado para 2020 chega em até 75% de aumento.

As creches parceiras do município receberam mais uma boa notícia nesta quarta-feira (30/10), no auditório da Prefeitura, dada pelo prefeito Alex de Freitas e pela secretária municipal de Educação, Sueli Baliza. Os valores dos repasses para o ano que vem serão todos reajustados.

Os repasses para 2020 somados aos de 2019 representam, na faixa etária de 0 a 2 anos no atendimento integral um aumento de 75% e no atendimento parcial (meio horário) 60%; na faixa de 3 anos de 60% para o integral e 50% para o parcial e nos 4 e 5 anos de 20% no atendimento integral e no parcial 18%. Os repasses são calculados de acordo com a faixa etária e per capita. Em breve, também será feito novo chamamento público de entidades para parceria em 2020.

Neste ano, além do aumento nos repasses, as creches parceiras receberam melhorias de infraestrutura, de materialidade, além de formação de professores, kits e uniformes escolares, entre outros benefícios. Outra novidade, é que está prevista a compra de brinquedos para as crianças pensando nos princípios do cuidar e do brincar. A rede parceira atende hoje no município mais de 3 mil crianças de 0 a 5 anos.

“Hoje é um dia de muita alegria, ninguém sabe realmente pelo o que vocês passam, o fato é que o recurso é finito e o custeio da prefeitura é muito alto, portanto, temos que fazer escolhas e a educação de fato tem vencido todas as vezes que reivindica, porque eu acredito mesmo que é o caminho pelo qual vamos ter uma sociedade mais justa, então, não tenho medido esforços dentro da limitação orçamentária do município. É um privilégio atender essa reivindicação, gostaríamos que fosse mais, mas também sei que tem feito diferença na vida de vocês e na vida das crianças que vocês acolhem, e dessa forma ajudam o município de Contagem a formar o destino e o futuro da nossa cidade cuidando bem das nossas crianças”, saudou o prefeito a todos os presidentes das creches parceiras.

A secretária municipal de Educação, Sueli Baliza, agradeceu a parceria que o prefeito tem com a Educação de Contagem. “Hoje é um encontro muito especial, quero agradecer a parceria, principalmente com a rede parceira. Esse ano já foi concedido um aumento, e em 2020 ajustamos novamente, portanto, conseguimos fazer algo muito melhor. Isso é possível principalmente porque acreditamos que todas as crianças são de Contagem, independente se são atendidas na rede própria, parceira ou privada. Temos que ter cuidado com todas elas, para isso, juntamos todas as mãos para que a gente possa realmente cuidar das nossas crianças”, afirmou.

Representando todas as creches parceiras, o presidente do Centro Infantil e Social Pequeno Príncipe, José William da Silva, ressaltou que as creches conveniadas não eram reconhecidas como parceiras. “Éramos simplesmente como um depósito de crianças, assim que muitos prefeitos anteriores tratavam as creches. Realmente um aumento de 75%, só era possível na década de 80 quando a inflação era lá em cima. Para nós é muito gratificante, muitas creches necessitavam de doações, principalmente de alimentos, hoje a realidade é outra, nós temos condições de dar quatro refeições diárias de qualidade para as crianças e o mais importante, valorizar também os funcionários e os educadores. Agradeço ao prefeito em nome das creches, pela dedicação e reconhecimento, com esses recursos estamos melhorando cada vez mais o atendimento, a educação infantil é a base para o futuro”, afirmou.

Também estiveram presentes na reunião com os presidentes das creches parceiras o subsecretário de Gestão e Operações, Sérgio Mendes, a subsecretária de Ensino, Dagmá Brandão, a presidente do Conselho Municipal de Educação, Thássia Leão, a presidente do Movimento de Luta Pró-Creche de Contagem, Maria Dolores Lima de Paiva, a diretora da Educação Infantil, Mayrce Freitas, o vereador Caxicó, servidores da Seduc e representantes da rede parceira e da Câmara Municipal.

Reportagem: Vanessa Trotta
Foto: Cássio Matias
Publicação: 31/10/2019

Começaram as inscrições para a Mostra Primavera das Ciências e Artes – Educação de Contagem em Ação

Começaram as inscrições dos projetos para a Mostra Primavera das Ciências e Artes – Educação de Contagem em Ação. O evento que vai acontecer no Museu dos Trabalhadores, no dia 20 de setembro, será realizado pela Secretaria Municipal de Educação (Seduc) e pela Fundação de Ensino de Contagem (Funec).

O evento visa dar visibilidade aos projetos desenvolvidos pelos estudantes da Educação Infantil, Ensinos Fundamental e Médio da Rede Municipal de Contagem. Um outro ponto importante são as ações pedagógicas e o reconhecimento do esforço dos professores em prol do desenvolvimento dos estudantes.

A Mostra vai atender disciplinas de cunho científico, cultural e tecnológico. Os temas podem estar relacionados aos diferentes campos de experiência e áreas do conhecimento: Ciências Naturais, História, Geografia, Língua Portuguesa, Língua Estrangeira, Matemática, Arte e Educação Física.

O edital contendo as informações e ficha de inscrição podem ser conferidos AQUI e deverão ser entregues até o dia 2/9/19, ao Assessor Pedagógico da escola ou enviada à Seduc/Funec por e-mail. Os endereços são:
Seduc: seduc.formacao@edu.contagem.mg.gov.br
Funec: elaine.faria@edu.contagem.mg.gov.br

Reportagem: Leonardo Melo
Arte: Renata Coura
Publicação: 20/08/2019

Início de semestre letivo será com Seminário da Seduc e Funec para diretores e vices

A Secretaria Municipal de Educação (Seduc) em conjunto com a Fundação de Ensino de Contagem (Funec), vão realizar na próxima terça-feira (30), um Seminário voltado para todos os diretores e vice-diretores das Escolas Municipais e Funecs. Também foram convidados os dirigentes escolares das Unidades Municipais de Educação Infantil (Umeis) e Creches Conveniadas.

O evento marcará a abertura do Segundo Semestre Letivo da Rede Municipal de Educação. Dessa forma, o auditório do Serviço Social do Transporte e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (SEST SENAT), no mesmo município, vai receber os diretores/vices para compartilhar boas práticas na gestão da Rede de Educação e alinhar as agendas da Seduc com o restante do semestre de 2019.

Serão abordados temas de boas práticas pedagógicas. Para falar do assunto, foram convidados os respectivos diretores da rede, Carla Maria Ferreira que dará o ar da graça com a didática sobre gestão de Umeis; Janete Romão da Silva vai explicar a importância de se ter boas relações na comunidade escolar e fecha o bate papo, Roberto Afonso do Nascimento, que vai enfatizar como pensar fora do eixo. Mas não acaba por aqui. O palestrante, Sebastião Mendes de Oliveira, graduado em Direito e autor de vários livros é também Tabelião Oficial, ele, vai encerrar o Seminário com uma palestra motivacional, cujo o tema será: “Educação que Transforma”.

A Seduc e a Funec desejam a todos os dirigentes e vices, que foram convidados, a terem uma excelente experiência no dia do Seminário. E por fim, queremos agradecer o apoio da Prefeitura de Contagem e patrocinadores que fizeram esse evento acontecer.

DA REDAÇÃO

Estudantes de Contagem participam do Festival Anima Mundi no RJ

Ao todo, 17 estudantes, acompanhados dos pais, foram até a capital carioca assistir dois curtas selecionados para apresentação no CCBB-RJ

“Eu já conhecia o Rio de Janeiro, mas vir pela primeira vez ao Festival Internacional Anima Mundi e poder ter o privilégio de ver um curta escrito por mim é bastante gratificante. O sentimento é difícil de explicar, só posso sentir e transmitir”, comemorou a estudante, Julia Nascimento. Foi com esse sentimento de dever cumprido que os alunos da Escola Municipal Newton Amaral Franco, da regional Petrolândia, entraram no ônibus rumo ao Rio de Janeiro-RJ, junto aos familiares, para o evento de maior prestígio da América Latina, o Anima Mundi.

A 27ª edição do Festival Anima Mundi contou com a inscrição de 1.800 filmes em mais de 40 países. A cidade de Contagem, pela primeira vez em sua história, teve um marco fundamental na seleção de 17 jovens cuja missão foi apresentar para o mundo dois curtas de autoria de quase todos os estudantes e funcionários da escola. “É uma emoção muito grande ter dois curtas do projeto de cinema selecionados para o Anima Mundi. Este festival é muito importante. Dele despontaram animadores como Carlos Saldanha de “A Era do Gelo” e para nós é um caminho certo a ser seguido. Não será surpresa para mim, no futuro, ver trabalhos destes alunos em superproduções nas áreas de roteiro, animação e dublagem. Eles só estão começando”, destaca a bibliotecária e também coordenadora do projeto na escola, Sheila Rodrigues.

Durante o evento do Anima, no Circuito Cultural Banco do Brasil (CCBB-RJ), as sessões foram divididas em duas partes. No primeiro momento, tivemos apresentações da Bélgica, França, Portugal e é claro, do Brasil. Minas Gerais, representada por Contagem, estava no páreo com a apresentação de “Dia de Chuva” (CLIQUE AQUI), texto do estudante Alexandre Augusto. A história fala da seca no Nordeste brasileiro, especificamente na Bahia, onde uma ave, ao lado de um jovem baiano, fazem uma máquina para fazer chover. A mensagem foi bastante clara, pois abordou também o Efeito Estufa.

No período da tarde, a obra escrita por Julia Nascimento, “Chapeuzinho Vermelho” (CLIQUE AQUI), contou de maneira caricata como chapeuzinho teria de passar pela floresta sem ser pega pelo lobo mau e alienígenas que pousavam na Terra. No final fora revelado que era apenas uma fábula de humor feito pelo pai do chapeuzinho. O que arrancou risos de alegria da plateia presente. “É um diferencial estarmos aqui no Rio de Janeiro. E foi com essa disposição, que a Prefeitura nos permitiu que tivemos esse momento prazeroso com os nossos jovens estudantes. E queremos mais, queremos que a Educação não pare em nossa cidade”, enfatiza a microempresária, Viviane Aparecida.

Após a exibição, os estudantes junto com os seus familiares, puderam visitar os principais pontos turísticos do Centro Carioca: Praça Mauá, Museu do Amanhã, Píer da Marinha e a Igreja da Candelária. “Foi um sonho estarmos aqui no Rio de Janeiro. Sonho esse que se tornou realidade ao fazermos esse projeto acontecer. Agradeço a todos da escola e à Prefeitura de Contagem por nos ter colocado no mapa da criação de curtas de cinema. Já me sinto realizada, mas não quero parar por aqui. O incentivo vai continuar dentro das salas de aula”, finalizou a diretora, Paula Zumpano.

LUZ, CÂMERA E AÇÃO!

A Escola Municipal Newton Amaral Franco desenvolve o projeto “Luz, Câmera e Ação!”, trabalho que vai até o final do ano voltado para o cinema. Diversas oficinas falam da sétima arte como ferramenta coadjuvante no processo de ensino-aprendizagem e o papel na sociedade para a cooperação no que diz respeito ao bem-estar.

A ideia faz parte da segunda etapa do projeto “Bem-Viver”, idealizado pela bibliotecária, Sheila Rodrigues. Trabalho esse que visa realizar oficinas e palestras sobre temas como cidadania, nutrição, inclusão social e artes.

A sugestão de propor o cinema na escola faz parte da Lei nº 9.394/1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional e determina a exibição na educação básica de, pelo menos, duas horas por mês de filmes produzidos no Brasil.

Reportagem: Leonardo Melo
Fotos: Geraldo Tadeu
Publicação: 23/07/2019

Educarte Lucas Braga visita exposição de animais em BH

Ao todo, 43 estudantes foram até o local para aproveitar as atrações.

Estudantes em colônia de férias, pelo Educarte Lucas Braga, tiveram uma oportunidade diferente na última quarta-feira (17) ao visitarem, no Expominas em Belo Horizonte, a 38ª Exposição Nacional do Mangalarga Marchador. Realizada pela Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Mangalarga Marchador (ABCCMM), a mostra marca as comemorações dos 70 anos da entidade, fundada em 16 de julho de 1949.

Os estudantes foram no período da tarde e puderam desfrutar do passeio com um guia. No ambiente, eles apreciaram os estábulos com os animais e assistiram a uma presentação na arena de areia com os animais de grande porte. O que deixou as turmas em êxtase.

No final do passeio, os alunos tiveram acesso a um “curralzinho” com filhotes de animais. As crianças tiveram a oportunidade de tocar em cada espécime. Tinham filhotes de coelhos, cabras, vacas e éguas. “Eu gostei de ver os animais bem de pertinho. Acredito que esse tipo de interação nos faz entender como é a vida dos animais em fazendas e sítios”, destaca o estudante do 5ª ano da E.M. Dona Babita Camargos, Cauã Gomes Oliveira.

O Educarte Lucas Braga fora representado por escolas dos bairros Funcionários, Três Barras e entorno. Ao todo, 43 estudantes puderam prestigiar o ambiente voltado ao meio rural. Pelo fato de muitos não terem a oportunidade ou até mesmo desconhecer os cuidados que esses animais de grande porte passam, o Educarte quis trabalhar com essa temática. “Conseguimos proporcionar aos meninos (as) esse momento de lazer. O ato de pegar nos animais e participar da exposição vai além da sala de aula e é um ótimo passeio na colônia de férias”, finaliza a coordenadora do Educarte, Adriana Campos.

As colônias de férias visam proporcionar diversão e interação social entre os participantes. Nelas são praticadas atividades como: gincanas, campeonatos esportivos, brincadeiras, jogos, pintura, teatro, dança, atividades circenses, construção de instrumentos musicais, entre outras.

Reportagem: Leonardo Melo
Foto: Geraldo Tadeu
Publicação: 22/07/2019

Cadastro Escolar 2020 do Ensino Fundamental vai até o dia 12 de julho

Podem ser inscritas crianças com 6 anos ou que vão completar essa idade até 31 de março de 2020.

O Cadastro Escolar 2020 do Ensino Fundamental começou nesta segunda-feira (1/7) e vai até o dia 12 de julho. Ele é imprescindível para garantir a vaga do estudante em uma escola próxima de sua residência. Podem ser inscritas crianças com 6 anos ou que vão completar essa idade até 31 de março de 2020.

Para ingressar na Rede Municipal de Ensino de Contagem só poderão ser inscritas crianças cujos responsáveis residam no município de Contagem.

O cadastro para o Ensino Fundamental deve ser feito pela internet (clique aqui). Os pais ou responsáveis que não possuem acesso à internet devem procurar as escolas municipais ou Unidades Municipais de Educação Infantil (Umeis) para garantir o cadastro dos estudantes.

Para a secretária municipal de Educação, Sueli Baliza, é importante que as famílias observem o prazo para o cadastro escolar, que não é prorrogável, para que elas não percam o momento certo de inscrever suas crianças nas escolas. “O cadastro é feito em parceria com a Secretaria de Estado de Educação, portanto, é um trabalho conjugado. É necessário que as famílias observem todos os critérios, já que o processo foi facilitado podendo ser feito pela internet de qualquer computador, tablet ou celular. Estamos à disposição para esclarecer qualquer dúvida que haja nesse sentido”, disse.

Direito de Continuidade

As crianças candidatas à vaga nos demais anos ou ciclos do Ensino Fundamental que desejam ingressar na Rede Pública, excepcionalmente, àquelas que até o dia 10 de outubro de 2018, data da resolução do Conselho Nacional de Educação, já se encontravam matriculadas e frequentando instituições de Educação Infantil (creche ou pré-escola), legalmente autorizadas, devem ter a sua progressão assegurada, sem interrupção, mesmo que sua data de nascimento seja posterior ao dia 31 de março, considerando seus direitos de continuidade e prosseguimento sem retenção, devendo os pais ou responsáveis procurar a Comissão do Cadastro Escolar da Secretaria Municipal de Educação.

Dúvidas Frequentes

1- Como será feita a inscrição?

A inscrição será realizada no endereço disponibilizado no portal da Secretaria de Estado de Educação www.educacao.mg.gov.br

2- Quando será feita a inscrição?

No período de 1/7/2019 a 12/7/2019. NÃO HAVERÁ PRORROGAÇÃO DE PRAZO.

3- Como os pais poderão fazer a inscrição do seu filho?

Os pais e/ou responsáveis poderão fazer a inscrição acessando o portal www.educacao.mg.gov.br de qualquer computador ou dispositivos móveis com acesso à INTERNET.

4- Os pais que não tiverem acesso ao computador como farão a inscrição?

Os pais ou responsáveis que não possuem acesso à internet devem procurar as escolas municipais ou Unidades Municipais de Educação Infantil (Umeis) para garantir o cadastro dos estudantes.

5- Será cobrada taxa de inscrição?

Não será cobrada taxa. A inscrição é gratuita.

6- Quem deverá fazer a inscrição para o candidato?

A inscrição no Cadastro Escolar será realizada pelo pai, mãe ou responsável pelo candidato, que seja maior de 18 anos.

Jovens maiores de 18 (dezoito) anos poderão fazer a sua própria inscrição no Cadastro Escolar.

7- Como fico sabendo para qual escola meu filho foi encaminhado?

A Secretaria Municipal de Educação (Seduc) providenciará a publicidade do resultado do cadastramento escolar.

8- O aluno matriculado na rede pública da Educação Infantil precisa fazer o Cadastro?

O cadastro para os alunos matriculados em UMEIs poderá ser efetivado na própria unidade escolar.

9- O aluno matriculado na rede particular da Educação Infantil precisa fazer o Cadastro?

Sim. Para que o seu filho tenha uma vaga garantida no 1º ano do Ensino Fundamental na rede pública em 2020.

10- Aluno matriculado no Ensino Fundamental na rede pública precisa fazer o cadastro?

Não. Aluno matriculado em escola pública em 2019 não deverá se cadastrar. Sua vaga já está garantida, devendo apenas realizar a renovação de matrícula.

Mais informações pelo telefone: 3352-5858 / 3352-5417

Reportagem: Vanessa Trotta
Arte: Renata Coura
Publicação: 02/07/2019