Posts com a Tag ‘Cidade de Aprendizagem’

Reconhecimento do sucesso na educação percorre a Europa

Embaixada do Brasil em Londres destaca trabalho que resultou no prêmio Cidade de Aprendizagem, concedido a Contagem pela Unesco

Além de Contagem ter sido a única do Brasil a ser reconhecida em Cork, na Irlanda, como Cidade de Aprendizagem, pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), e de a comitiva ter visitado a Finlândia para conhecer de perto um dos melhores modelos educacionais do mundo, o município ganhou notoriedade na Inglaterra. O prefeito Alex de Freitas se reuniu com o embaixador do Brasil em Londres, Eduardo dos Santos, e o título foi destacado nas redes sociais da entidade que representa o governo brasileiro na Terra da Rainha.

“Hoje (25 de setembro) o embaixador Eduardo dos Santos reuniu-se com o prefeito de Contagem, uma cidade no Estado brasileiro de Minas Gerais, Alex de Freitas, que enfatizou a importância da educação”, destaca a Embassy of Brazil in London em sua página no Facebook.

Alex aponta a importância do reconhecimento do trabalho executado na rede de ensino de Contagem. “Além de ser um incentivo para continuarmos acreditando na educação municipal, ficamos felizes com o reconhecimento dos esforços da nossa equipe, que tem como prioridade oferecer uma educação de qualidade e ampliar as ações de educação do município”, disse.

O secretário Municipal de Educação, Joaquim Antônio Gonçalves, destaca o esforço para melhorar a qualidade no ensino. “Pretendemos diminuir a evasão escolar, ampliar a oferta de vagas na educação infantil e aumentar o tempo de permanência diária do aluno na escola. Esse cuidado com a educação é uma maneira de aumentarmos o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb)”, afirmou.

O prêmio foi concedido na 3ª Conferência Internacional sobre Cidades de Aprendizagem. O objetivo do encontro foi dar orientações sobre a implementação da aprendizagem ao longo da vida. Contagem esteve entre as dezesseis cidades premiadas, de todo o mundo. Elas foram escolhidas por meio de um júri internacional, que analisou progressos na área da educação.

Reportagem: Nayara Vianna
Foto: Divulgação

Participação de estudantes de Contagem em premiação chama a atenção da Unesco

Crianças representaram os alunos da rede que participam de ações de aprendizado ao longo da vida.

Gabriel Ribeiro, de 10 anos e Matheus Fellipe, de 12, foram os dois estudantes selecionados para participar da solenidade que premiou Contagem como Cidade de Aprendizagem. Os alunos passaram quatro dias em Cork, na Irlanda. Acompanhados do prefeito Alex de Freitas, do secretário Municipal de Educação, Joaquim Antônio Gonçalves e de três educadores da rede municipal de ensino, os estudantes tiveram a missão de receber o título que coloca Contagem entre as cidades do mundo que desenvolvem ações que garantam um melhor aprendizado à população ao longo da vida.

A menção foi concedida pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). Em 2017, dezesseis municípios foram agraciados. Contagem foi o único no Brasil.

Os estudantes que participaram da solenidade foram selecionados com base na participação deles em projetos ligados à Cidade de Aprendizagem e no perfil escolar, como desempenho, comprometimento com frequência e tarefas e comportamento respeitoso com os profissionais da escola e com os colegas.

Gabriel é estudante do 5º ano da Escola Municipal Vasco Pinto da Fonseca e Matheus está no 6º ano, na Escola Municipal Maria do Carmo Orechio. A presença dos alunos na solenidade foi elogiada chamou a atenção dos organizadores. Contagem foi a única comitiva que levou crianças. “Levar os estudantes teve um significado especial. Eles representaram cada contagense que participa das ações que fazem nossa cidade ser uma “Cidade de Aprendizagem. Por serem os únicos estudantes na premiação, os membros da Unesco que organizaram o evento deram bastante atenção a eles”, comentou a secretária adjunta de Educação, Claudia Caldeira.

Além de receberem o título, Gabriel e Matheus participaram de palestras da 3ª Conferência Internacional sobre Cidades de Aprendizagem, que teve o objetivo orientar as cidades na implementação da aprendizagem ao longo da vida.

Após a solenidade, os estudantes puderam conhecer museus e pontos turísticos da Irlanda e Holanda. Matheus comentou que foi emocionante ter contato com pessoas de diversas partes do mundo. “As pessoas foram muito simpáticas e gostaram de ver a nossa participação”, comemorou.

Já Gabriel ficou encantado com as construções medievais. “Nunca imaginei que iria conhecer um castelo de verdade”, comentou Gabriel ao visitar o Blackrock Castle, construção do século XVI que atualmente abriga um observatório astronômico.

A próxima premiação e Conferência Internacional de Aprendizagem da Unesco ocorrerá em 2019. Contagem irá se candidatar para ser sede do evento.

Reportagem: Júlio César Santos e Leonardo Melo
Fotos: Divulgação

Ações de educação de Contagem são apresentadas em Conferência na Irlanda

Conferência debate modelos de aprendizagem no mundo ao longo da vida.

O prefeito Alex de Freitas foi destaque na 3ª Conferência Internacional sobre Cidades de Aprendizagem, realizada na cidade de Cork, na Irlanda. Na tarde desta terça-feira (19), o modelo de Cidade de Aprendizagem de Contagem foi apresentado aos participantes.

O público, formado por políticos, representantes das cidades que constituem a Rede Global de Ciências da Aprendizagem da Unesco, dos Estados Membros da Unesco, das Comissões Nacionais da Unesco, de organizações não-governamentais (ONG’s) e do setor privado de todo o mundo, pôde conhecer Contagem por meio dos setores econômicos, sociais e culturais. Alex apontou as ações que colocam o município como uma Cidade de Aprendizagem.

Foram mostrados os trabalhos do articulador comunitário, que são educadores que visitam as famílias de estudantes em situação de vulnerabilidade social em busca de soluções para os problemas dos alunos. Alex ainda apontou iniciativas que proporcionam cultura e lazer população. Os investimentos na educação também foram pontuados, como ampliação de vagas e construção de escolas. Só neste ano foram 700 novas vagas na educação infantil. A primeira escola em tempo integral já é construída no bairro Arvoredo e outras setes, do mesmo modelo, serão feitas na cidade. O prefeito ainda falou sobre os investimentos em tecnologia que já começam a ser aplicados na educação. As escolas ganharão internet para educadores e estudantes utilizarem durante atividades escolares, as salas ganharão lousas digitais e interativas e os estudantes do 6º ano receberão notebooks. “A transformação que queremos é impensável sem um ótimo sistema de ensino público. O projeto que desenvolvemos tem a opinião e o sonho da população. Estamos nas escolas e nas ruas de Contagem para construirmos um mundo melhor. Essa é a essência de nosso governo”, enfatizou Alex de Freitas.

A apresentação fez parte da solenidade de premiação de Cidade de Aprendizagem. Dezesseis municípios foram premiados pelos progressos na área da educação. Contagem foi o único no Brasil a receber o título. O evento é realizado pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). O prefeito, Alex de Freitas, anunciou que Contagem será candidata à sede da Conferência Internacional sobre Cidades de Aprendizagem em 2019. “Desejamos que nossas ações sejam conhecidas. Contagem está se preparando para ser uma cidade de aprendizagem por toda a vida”, finalizou Alex.

Reportagem: Júlio César Santos
Foto: Divulgação

Contagem recebe título internacional de Cidade de Aprendizagem

Foi a única cidade do Brasil premiada pela Unesco na Irlanda.

Contagem recebeu nesta segunda-feira (18) o título de Cidade de Aprendizagem. A menção é concedida pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) aos municípios que desenvolvem ações que garantam um melhor aprendizado à população ao longo da vida. Dezesseis cidades no mundo foram premiadas. No Brasil, apenas Contagem recebeu o título.

A premiação ocorreu durante a 3ª Conferência Internacional sobre Cidades de Aprendizagem, na cidade de Cork, na Irlanda. O prefeito Alex de Freitas recebeu o título das mãos dos integrantes do Instituto da Unesco para a Aprendizagem ao Longo da Vida. “É um prêmio bastante importante e isso reafirma o compromisso que temos com a educação. Acredito que a única maneira de mudar substancialmente a cidade é investir na educação”, destacou Alex de Freitas.

Participaram da solenidade o ministro de Educação da Irlanda, representantes das cidades que constituem a Rede Global de Ciências da Aprendizagem da Unesco, dos Estados Membros da Unesco, das Comissões Nacionais da Unesco, além de membros de organizações internacionais, organizações não-governamentais (ONG’s) e do setor privado.

O secretário Municipal de Educação, Joaquim Antônio Gonçalves, a secretária-adjunta, Claudia Caldeira, dois estudantes e três educadores da rede de ensino de Contagem também participaram das comemorações.

Contagem foi eleita Cidade de Aprendizagem por um júri internacional, que analisou progressos na área da educação. Exemplos que fazem Contagem ser uma Cidade de Aprendizagem são projetos educacionais, sociais e culturais.

Alex de Freitas informou que o atual governo prevê um investimento no setor dez vezes no maior que a administração passada. “Já está sendo construída uma escola integral, que vai atender 2.500 estudantes. Outras sete, no mesmo modelo, também serão criadas. A prefeitura já fez parceria com a Microsoft e vai oferecer, no próximo ano, notebooks para os cinco mil alunos do 6º ano. Também serão feitos investimentos em digitalização de ensino, como instalação de lousas digitais e oferta de internet nas escolas, para facilitar os estudos. Além disso, os educadores passam por processos de formação com o intuito de garantir mais qualidade no ensino. Todas essas ações fazem com que a Unesco nos reconheça como Cidade de Aprendizagem”, comemorou o prefeito.

Nesta terça-feira (19), Alex de Freitas vai apresentar na Conferência Internacional as metodologias de Cidade de Aprendizagem aplicadas em Contagem.

Reportagem: Júlio César Santos
Fotos: Divulgação

Contagem recebe prêmio da Unesco por referência em educação

Estudantes e educadores da rede municipal vão participar da solenidade na Irlanda.

Três estudantes e três educadores da rede municipal de ensino de Contagem embarcam para Cork, na Irlanda, no próximo sábado (16). Eles vão participar da cerimônia que vai homenagear os municípios que receberam o título de Cidade Aprendizagem, concedido pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). O prefeito, Alex de Freitas, e o secretário Municipal de Educação, Joaquim Antônio Gonçalves, também estarão na solenidade.

A premiação ocorrerá durante a 3ª Conferência Internacional sobre Cidades de Aprendizagem. Estarão presentes representantes das cidades que constituem a Rede Global de Ciências da Aprendizagem da Unesco, dos Estados Membros da Unesco, das Comissões Nacionais da Unesco, além de membros de organizações internacionais, organizações não-governamentais (ONG’s) e do setor privado.

Além da premiação, a conferência tem o objetivo orientar as cidades na implementação da aprendizagem ao longo da vida. Contagem está entre entre dezesseis cidades em todo o mundo que receberão o título. Elas foram escolhidas por meio de um júri internacional, que analisou progressos na área da educação. Do Brasil, apenas Contagem apareceu na lista.

O reconhecimento parte das ações desenvolvidas pela Secretaria Municipal de Educação, com o intuito de garantir um melhor aprendizado dos estudantes e proporcionar mais qualidade de vida à população. Outros exemplos que fazem Contagem ser uma Cidade de Aprendizagem são as realizações de projetos de aspectos sociais e culturais”Uma Cidade de Aprendizagem é aquela que cuida do seu presente, mas pensando no futuro. E é nesse futuro que devem existir parâmetros humanos, democráticos e atitudes respeitosas com a natureza”, explica a secretária adjunta de Educação, Claudia Caldeira.

Os três alunos selecionados para participar da premiação estudam nas escolas municipais Maria do Carmo Oréchio, de Nova Contagem e Vasco Pinto da Fonseca, no bairro Eldorado. A escolha foi feita com base na participação deles em projetos ligados à Cidade de Aprendizagem e no perfil escolar, como desempenho, comprometimento com frequência e tarefas e comportamento respeitoso com os profissionais da escola e com os colegas.

Matheus Soares, de 12 anos, e Eduarda Silva, de 11, receberam a notícia com festa. Os estudantes de Nova Contagem vão viajar de avião pela primeira vez. “Quando recebi a mensagem eu chorei de emoção. Foi algo que não imaginei e hoje vejo que está sendo a realização de um sonho”, comemora Eduarda. Já Matheus contou que assim que soube da viagem, não parou de pesquisar sobre a Irlanda. “Todos os dias eu leio algo a respeito de Cork, cidade onde vamos nos hospedar. Estou muito ansioso de poder conhecer um dos países mais lindos do mundo”, afirmou o estudante.

A conferência começa no dia 18 de setembro e vai até o dia 20. O prefeito, Alex de Freitas, apresentará aos participantes o modelo de Cidade de Aprendizagem que é aplicado em Contagem. Segundo o secretário Municipal de Educação, Joaquim Antônio Gonçalves, receber o prêmio é um incentivo para ampliar ainda mais as ações. “A nossa proposta é melhorar a qualidade do ensino, diminuir a evasão escolar, ampliar a oferta de vagas na educação infantil e aumentar o tempo de permanência diária do aluno na escola. Esse cuidado com a educação é uma maneira de aumentarmos o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB). A meta é subir para 6,5 (anos iniciais) e 5,4 (anos finais) até 2019”, explicou Joaquim.

clique aqui e confira a programação da 3ª Conferência Internacional sobre Cidades de Aprendizagem.

Reportagem: Leonardo Melo
Foto: Newton de Castro Resende
Arte: Renata Coura