Prefeitura e Funec lançam concurso de redação com o tema da prevenção à violência contra as mulheres

A Prefeitura de Contagem tem realizado diversas ações para combater a violência contra as mulheres no município. Durante reunião do Comitê Interinstitucional de Combate a Violência Contra a Mulher, realizado nesta quarta-feira (25/8), como parte da divulgação das ações do “Agosto Lilás” foi feito o lançamento do concurso de redação em parceria com a Fundação de Ensino de Contagem (Funec) cujo tema é “Educação: Um caminho na prevenção da violência contra a mulher”.

O Agosto Lilás é uma campanha de enfrentamento à violência doméstica e familiar contra a mulher, instituída por meio da Lei Estadual nº 4.969/2016 Maria da Penha, com a finalidade de intensificar a divulgação, conscientizar a sociedade sobre o fim da violência contra a mulher, divulgar os serviços especializados da rede de atendimento à mulher em situação de violência e os mecanismos de denúncia existentes.

Já o concurso é uma iniciativa da Prefeitura Municipal de Contagem e da Funec, em parceria com as secretarias de Segurança e Defesa Social, Desenvolvimento Econômico, Direitos Humanos e Cidadania, e também com o Centro Universitário Una Contagem, e o Shopping Oiapoque Contagem.

O objetivo é destacar o dia estadual de combate ao feminicídio e celebrar o “Agosto Lilás”, além de promover a conscientização dos estudantes sobre a importância da prevenção às práticas cotidianas de violência contra as mulheres presentes na escola, na família e na sociedade.

As inscrições do concurso vão do dia 7 ao dia 22 de setembro e estão abertas a todos os estudantes regularmente matriculados na Funec.  O resultado final será divulgado em 20 de outubro e a premiação será no dia 25. O (a) vencedor (a) receberá um notebook e os (as) estudantes classificados em 2º, 3º, 4º e 5º lugares serão premiados com um tablet, cada um.

A superintendente de políticas públicas e presidenta do Comitê Interinstitucional de Combate a Violência Contra a Mulher do município, Neimara Lopes, apresentou, ainda, dados levantados pelo comitê. “O trabalho em rede e o diálogo são o que tem feito a diferença no enfrentamento a violência doméstica”, afirmou.

A presidenta da Funec, Telma Ribeiro, reforçou em seu discurso durante o evento de lançamento as expectativas do projeto. “Acreditamos na escola como um espaço de combate à violência contra as mulheres e qualquer afronta à dignidade humana. Esse concurso reforça nosso compromisso com a construção de uma sociedade mais justa e igualitária”, apontou.

Para a prefeita Marília Campos, é importante “trazer a pauta” da violência contra a mulher ao ambiente escolar. “Nós temos que estimular as pessoas a produzir conhecimento. Mais importante que o prêmio e que a redação, o que vale é o envolvimento da comunidade escolar com a pauta”, concluiu.

Marília é autora, quando deputada estadual, dos Projetos de Lei 5.203/2018 e 1.826/2020 que deram origem, respectivamente, à Lei 23.144/2018, que institui o dia 23 de agosto como o Dia Estadual de Combate ao Feminicídio e à Lei 23.644/2020, que permite registro de violência doméstica por meio de delegacia virtual durante a pandemia do novo coronavírus.

Participaram do evento, também, o vice-presidente da Funec, professor Paulo Figueiredo, e o diretor de ensino da entidade, professor Marco Carvalho.

Acesse o Edital do Concurso de Redação no link:

http://www.contagem.mg.gov.br/arquivos/doc/5140doc-e-20210826060340.pdf?x=20210916104435

Repórter Ádria Oliveira e Fernando Dutra

Foto Janine Moraes/PMC

Notícias Relacionadas