Estudante promove diversão e conscientização em projeto social

Cerca de 400 estudantes também participaram da ação do Projeto Pipa.

Um estudante do 9º ano da E. M. Professora Maria Olintha, na Regional Eldorado, elaborou um projeto denominado “Pipa na Escola”. A ideia proposta visou colaborar com os interesses da comunidade escolar para promover união, respeito e muita diversão entre os estudantes e vizinhos.

O aluno Jacob Dias teve como iniciativa o combate ao uso da linha “chilena” – que é feita industrialmente e seu poder de corte é tão elevado, pois são adicionados na linha original pó de quartzo e óxido de alumínio. “Eu pensei nesse projeto com o intuito de unir a todos e lavar uma mensagem que é possível brincar sem machucar o outro”, destaca Dias.

Para a direção da escola, projetos assim são comuns nos anos letivos e o apoio também deve vir de toda a comunidade escolar. “Por ser um processo que veio do próprio estudante, nos chamou a atenção. A ideia dele não só mexeu com o brio de todos, mas também contagiou os mais de 400 jovens do turno da manhã e é algo a se pensar e valorizar”, finalizou o vice-diretor, Ronan Gomes.

Todos os professores e pedagogos também participaram e o projeto foi aplicado dentro das disciplinas de geometria na elaboração para os cortes de figuras planas das pipas.

Quem é flagrado soltando pipa com linha chilena pode receber uma multa de até R$ 2 mil e, comerciantes que a vendem, podem ser multados em até R$ 4 mil. Se reincidente na prática, o estabelecimento pode receber uma multa com o valor duplicado e até perder seu alvará de funcionamento.

Reportagem: Leonardo Melo
Foto: Divulgação
Publicação: 02/10/2019

Notícias Relacionadas