DIA INTERNACIONAL CONTRA O ABUSO E TRÁFICO ILÍCITO DE DROGAS

A ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS (ONU) ESTABELECEU, EM 1987, O DIA 26 DE JUNHO COMO A DATA OFICIAL.

Carta aos Estudantes

Queridos alunos,

Convido vocês para uma breve e importante reflexão!

Estamos vivendo um momento de muitos desafios, incertezas e riscos à saúde. Ainda não havíamos vivenciado uma crise mundial em que todas as pessoas, sem exceção, pudessem ao mesmo tempo sentir muito medo diante de incertezas.

Todos nós estamos adotando comportamentos que nos livre dos riscos de contrair o vírus da Covid-19. Usamos máscaras, álcool gel, lavamos as mãos constantemente, mantemos o distanciamento social, deixamos de nos reunir em salas de aula, deixamos de estar com os amigos para passeios e uma boa conversa, a troca de abraços e muitas brincadeiras, que nos fazem tão bem, agora precisam esperar.

Neste momento de índices elevados de transmissão da doença, precisamos manter a calma, a paciência, encarando como mais um desafio passageiro, ou seja, situação que logo irá passar.

Como diretores, mestres, educadores, auxiliares da escola, estamos como vocês, no mesmo sentimento de apreensão e aguardando dias melhores.

Sabemos que o conhecimento também é adquirido em outros espaços, para além da escola. E a felicidade conta agora com nossa capacidade de nos reinventar.

Muitas vezes, você se sente sozinho para fazer escolhas, sem nenhum suporte que possa auxiliar sua reflexão sobre a situação em que vivemos. Isso dependerá muito de uma atitude pessoal, de um pensamento que transporte você para a valorização da sua história. Neste momento, em especial, estamos todos a favor da vida por meio dos cuidados com a saúde.

Além das questões da Covid-19, hoje, é um dia que internacionalmente refere-se à resistência ao uso, abuso e tráfico de drogas. Ressaltamos que a responsabilidade nesse aspecto é também de todos nós, pois nossa luta é em prol da valorização da vida e da transmissão de conhecimento que provoque sempre possibilidades de melhores escolhas e de experiências que não levem o ser humano para o desconforto, para a ausência de prazer, para a privação da liberdade. Nesse sentido, é preciso romper com medo e adotar uma atitude corajosa para romper com os desafios. Atitudes positivas e confiantes fazem toda diferença diante das adversidades.

As drogas fazem mal, algumas são piores que as outras, o que pode interromper o seu processo de aprendizagem, de desenvolvimento pessoal. Ao invés de escolher o prazer temporário que as drogas causam, escolha o prazer duradouro provocado pela dança, esporte, música, passeios, bons diálogos e leitura de bons textos e livros,

Apostamos sempre e nunca desistiremos, como agora no atual momento, que venceremos a pandemia. Sairemos dessa situação mais unidos, sabendo a importância de tudo aquilo que possa contribuir para que todos acreditem que são capazes e terão sucesso quando optarem por escolhas saudáveis.

Sucesso a todos e todas,

CLIQUE AQUI E ASSISTA: GNU no combate ao consumo de álcool por crianças e adolescentes.

CONSELHO MUNICIPAL DE POLÍTICAS SOBRE ÁLCOOL E OUTRAS DROGAS DE CONTAGEM – COMADC

Notícias Relacionadas