Posts com a Tag ‘Novembro Azul’

Vamos falar sobre o câncer de próstata?

O Novembro Azul, campanha que chama a atenção para a saúde do homem, já acabou. Mas falar sobre a prevenção do câncer de próstata deve ser uma atitude permanente. Afinal, no Brasil, segundo o Inca/Ministério da Saúde (MS), um homem morre a cada 38 minutos por causa dessa doença. A próstata é uma glândula do sistema reprodutor masculino que tem como principal função, juntamente com outras glândulas, produzir o esperma.

Quem nunca ouviu falar sobre campanhas de saúde que estabelecem cores para alguns meses do ano, com o objetivo de difundir informações, derrubar preconceitos e prevenir doenças? Ao longo dos anos, sobretudo a partir da década de 1990, sociedades médicas, pacientes e organizações da sociedade civil mundo afora vieram difundindo campanhas que relacionam cores para os meses do ano com o objetivo de informar, quebrar preconceitos e ampliar a prevenção de doenças. No mês passado, o Novembro Azul chamou a atenção para câncer de próstata, um dos tipos mais comuns entre os homens, de acordo com o Ministério da Saúde (MS).

O mês de novembro acabou, mas é muito importante seguir com a conscientização sobre câncer de próstata, doença que, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca)/MS, dados de 2017, mata um homem a cada 38 minutos no Brasil.

Em Contagem, assim como em toda a rede pública de saúde do Brasil, para se informar sobre a doença e fazer exames de detecção, se necessário, o homem deve primeiramente passar por uma consulta na Unidade Básica de Saúde (UBS), principal porta de entrada do Sistema Único de Saúde (SUS), onde são solicitados diversos exames, dentre eles o PSA, quando o homem completa 50 anos de idade. Em casos de histórico familiar da doença, essa prevenção inicia-se aos 45 anos. O médico da UBS é quem faz o encaminhamento para o exame de prevenção do câncer de próstata a um dos especialistas do CCE Iria Diniz. Sempre que for à consulta com o urologista, o paciente já deve ter em mãos o resultado do seu PSA.

Para falar sobre os problemas que essa pequena glândula, localizada próxima à bexiga e ao intestino pode causar, o médico urologista Carlos Fabricio Sousa de Almeida, que atua no Centro de Consultas Especializadas (CCE) Iria Diniz desde o ano 2006, traz informações o câncer de próstata, incluindo formas sobre sua detecção, o que pode permitir a recuperação precoce dos pacientes e salvar vidas.

O especialista reforça que o diagnóstico precoce é a melhor arma contra esse tipo de doença. “Com um simples exame de sangue e um rápido e indolor exame de toque, podemos evitar muito sofrimento e a perda de muitas vidas”, atesta o médico.

Confira a entrevista:

O que é próstata? Onde ela está localizada? Só os homens possuem próstata?

É uma glândula que só está presente nos homens e tem a forma de uma noz, localiza-se abaixo da bexiga, em frente ao reto, e engloba a uretra.

Há fatores de risco ou comportamentos que podem favorecer o câncer de próstata?

A hereditariedade é o principal fator de risco. Quem tem parentes próximos com a doença tem maior risco de vir a desenvolvê-la. Fatores como a raça negra e alimentação rica em gorduras e pobre em vegetais e frutas também estão relacionados com maior incidência do câncer de próstata.

O que acontece com a próstata quando ela é afetada pelo câncer?

Primeiramente, surgem nódulos no interior da glândula, que podem se expandir e invadir estruturas próximas, como as vesículas seminais, bexiga e reto. Entretanto, o maior problema é que antes que isso aconteça, células tumorais caem na corrente sanguínea e são levadas para diversas estruturas e órgãos distantes, como ossos, fígado e cérebro.

Existem sinais ou sintomas que podem indicar que a pessoa esteja com câncer de próstata?

Este é o maior problema que enfrentamos. Em sua fase inicial, justamente quando o câncer de próstata pode ser adequadamente tratado e curado, ele não costuma apresentar sintomas. Os sintomas surgem apenas quando a doença já se espalhou e, então, torna-se muito difícil controlá-la. Sintomas como sensação de urina presa, jato urinário fraco e levantar-se muitas vezes à noite para urinar, na maioria dos casos, estão relacionados com o aumento benigno da próstata, a hiperplasia prostática, e não com o câncer. Por isso, a detecção precoce é fundamental.

Existe algum perfil ou grupo populacional que tenha indicação de realizar exames de detecção?

O exame de prevenção do câncer de próstata deve ser realizado por todos os homens a partir dos 50 anos de idade e ser repetido anualmente. Homens que têm parentes próximos com esta doença devem iniciar a prevenção aos 45 anos de vida.

Como é feito o diagnóstico do câncer de próstata? Há métodos diferentes para cada tipo de pessoa?

O diagnóstico é feito através de um exame de sangue que se chama PSA ou antígeno prostático específico, que costuma estar elevado nos casos de doenças da próstata, dentre eles o câncer, e também através do exame de toque prostático, em que o médico consegue palpar irregularidades e diferenças na textura da próstata. Se houver alteração no conjunto desses exames, é indicada então a biópsia da próstata, que consiste em se retirar vários fragmentos da glândula. É um exame realizado pelo reto, guiado por ultrassonografia. É só a biópsia que pode confirmar a presença das células malignas na próstata.

Caso o câncer de próstata seja detectado, quais são os próximos passos?

Caso o tumor seja detectado, ou seja, confirmado pela biópsia, o urologista define junto com o paciente a melhor modalidade de tratamento, de acordo com as características de cada pessoa. Na atualidade, os pacientes são encaminhados à Comissão Municipal de Oncologia, que é o órgão que distribui os pacientes entre as diversas instituições vinculadas ao SUS, como por exemplo o Hospital da Baleia e o Instituto Mario Penna. O tratamento é completamente gratuito no SUS.

Qual ou quais são os tratamentos para o câncer de próstata? Nesses tratamentos, a próstata é extraída do corpo ou é “somente” tratada?

O tratamento depende de até onde a doença se espalhou. Se for um tumor localizado, ou seja, só dentro da glândula prostática, a cirurgia para a retirada de toda a próstata e das vesículas seminais é a melhor opção. Em casos onde os riscos anestésico e cirúrgico são muito altos, não se retira a próstata e, nesses casos, opta-se pela radioterapia, que consiste na destruição por radiação das células tumorais. A radioterapia também é indicada nos casos em que a doença já saiu da próstata mas não acometeu órgãos distantes. E quando a doença encontra-se em fase avançada, ou seja, quando já se espalhou para outras estruturas como ossos, fígado ou cérebro, as chamadas metástases, a melhor opção passa a ser a hormonioterapia e, então, a quimioterapia.

Em um ranking de neoplasias malignas que matam homens, o câncer de próstata ocupa qual posição?

No Brasil, o câncer de próstata é o segundo tumor mais frequente no homem e só perde para o câncer de pele. O Instituto Nacional do Câncer (Inca) estima que teremos mais de 68 mil novos casos de câncer de próstata neste ano. Todo ano, morrem cerca de 13 mil  homens devido à doença.

Ter câncer de próstata pode afetar a capacidade de homens terem ereções ou trazer outros problemas relacionados a atividades sexuais? A retirada da próstata afeta as funções sexuais dos homens?

O câncer de próstata não costuma afetar a função sexual na sua fase inicial, só mesmo quando ele avança. Tanto a cirurgia quanto a radioterapia para o tratamento da doença podem afetar a capacidade do homem em obter ereção. Mas não em todos os casos, depende muito de como era a ereção anteriormente ao tratamento e, também, da técnica operatória e da precisão dos aparelhos de radioterapia. Entretanto, existem diversas formas de se recuperar esta função, seja com medicamentos orais ou locais e até mesmo com o implante de próteses.

Sobre os tabus em torno da doença: é comum que os homens não procurem por um médico para realização do exame de próstata por causa de percepções que associem a realização do exame à problematização da opção sexual?

Sempre houve uma resistência por parte dos homens ao exame de toque retal. Entretanto, percebemos que este tabu tem sido quebrado ao longo dos tempos. Trata-se de um exame muito rápido e indolor e muitos homens estão mais conscientes da importância do diagnóstico precoce da doença. Homens: previnam-se!

 

Repórter: Carolina Brauer

Foto: Divulgação

Data: 05/12/2018

Movimenta Contagem se veste de azul contra o câncer de próstata

A Praça da Glória, na Regional Eldorado, sedia nessa sexta-feira (23), o Movimenta Azul

Após o mês de conscientização sobre o câncer de mama e colo de útero, o chamado Outubro Rosa, novembro chegou trazendo mais uma importante ação para a saúde. Realizada todos os anos, a campanha Novembro Azul conscientiza os homens em relação à prevenção do câncer de próstata.

As comemorações do Novembro Azul se encerrarão em  grande estilo. A Praça da Glória, na Regional Eldorado, sedia nessa sexta-feira (23), o Movimenta Azul. A ação é um projeto promovido pelo Programa Movimenta Contagem que tem como objetivo conscientizar sobre a prevenção e os riscos do câncer de próstata.

O Movimenta Azul convoca toda a população a partir das 19h para um dia de conscientização e promoção da saúde e bem-estar. Os 70 núcleos do Movimenta Contagem participarão da ação. A ação conta uma programação para toda a família. Além de orientações sobre o câncer de próstata, haverá aferição de pressão, cadastramento dos participantes do Movimenta, entre outros.

Segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA),  o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens brasileiros, ficando atrás apenas do câncer de pele. A partir dos 50 anos, os homens devem se consultar anualmente com um urologista. Quem tem casos de câncer de próstata em parentes próximos (pai, irmãos ou tios) precisa procurar atendimento com um especialista aos 45 anos.

Movimenta Contagem

O Movimenta Contagem está presente em todas as oito regionais administrativas da cidade. Atualmente, mais de cinco mil pessoas usufruem do programa que visa exercitar o corpo e a mente por meio de práticas de atividades físicas como: ginástica aeróbica, fisioterapia, hidroginástica, tai chi chuan e ioga, além de promover a interação social.

Para participar do Movimenta Contagem, o interessado deverá se encaminhar até os núcleos do Movimenta Contagem e fazer o cadastro, ou  entrar neste site.

Programação:
19h – Abertura:
19h20 – Aulão Movimenta
21h – Encerramento

 

Repórter: Lucas Santos

Foto: Divulgação

Data: 21/11/2018

Centro Materno Infantil também participa do Novembro Azul

O Novembro Azul é uma campanha para conscientização a respeito de doenças masculinas, com ênfase na prevenção e no diagnóstico precoce do câncer de próstata

 

Assim como cada mês do ano tem uma comemoração voltada para a saúde, em novembro não será diferente. O Novembro Azul é uma campanha de conscientização realizada por diversas entidades dirigida à sociedade e, em especial, aos homens, para conscientização a respeito de doenças masculinas, com ênfase na prevenção e no diagnóstico precoce do câncer de próstata.

Foi em prol dessa campanha que o Centro Materno Infantil (CMI) está promovendo durante todo o mês de novembro uma homenagem e também um lembrete aos pais, visitantes e profissionais que utilizam e trabalham no Alojamento Conjunto.

“Buscamos conscientizar o público masculino que temos na maternidade, que são pais, avós e tios que vêm visitar os bebes, e também os profissionais que trabalham no setor. O novembro azul é tão importante quanto ao outubro rosa, que foi  voltado para prevenção ao câncer de mama.”, disse a assistente social do Centro Materno Infantil, Érica Fernanda Elias Santana.

O Alojamento Conjunto é um local com 61 leitos destinado para as mães ficarem com o filho após saírem da sala de parto, e também, para gestante que necessita de um cuidado mais próximo antes do parto. No alojamento, os pais também ficam de acompanhantes, por isso a campanha do novembro azul está sendo feita nesse setor.

 

Repórter: Nelson Augusto

Foto: Adelcio Ramos Barbosa

Data: 06/11/2018

Saúde do homem foi tema de ação no restaurante popular Ressaca

Atividade faz parte da semana de conscientização sobre o Novembro Azul que ocorre em diversos equipamentos da Segurança Alimentar

Quem almoçou no restaurante popular Ressaca no início da tarde dessa quarta-feira (22), foi convidado a participar da ação de conscientização do Novembro Azul.  Atividade promovida pela Prefeitura de Contagem, por meio da Coordenadoria de Segurança Alimentar e Abastecimento da Secretaria de Desenvolvimento Social e Habitação, em parceria com a Secretaria de Saúde e Distrito Ressaca. O evento também teve o incentivo do Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional (Comsan).

 O restaurante popular Ressaca foi o primeiro a receber essa ação, que ocorre durante as últimas semanas de novembro. Os profissionais da Secretaria de Saúde fizeram a aferição da pressão, entrega de preservativos e acompanhamento médico, sanando dúvidas sobre à saúde do homem, e prevenção de doenças como o câncer de próstata, e ligadas ao tabagismo.

 Contribuíram para a ação os Agentes Comunitários de Saúde (ACS), Agentes de Combates a Endemias (ACE) e acadêmicos de enfermagem da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Além da presença da equipe da Zoonoses que falou sobre a importância do combate ao mosquito Aedes Aegypti, na prevenção das doenças como Dengue, Febre Amarela, Zika e Chikungunya.

A equipe do Distrito Ressaca promoveu a entrega de informativos retratando a saúde do homem. Tabagismo, Tuberculose, câncer de próstata foram alguns dos temas abordados.

Para a senhora Maria Luiza Marques Vieira, de 66 anos, a ação é muito positiva. “Eu acho muito bacana, é uma bela iniciativa da Prefeitura de Contagem, aqui vem muita gente então fala com muitas pessoas”, disse. 

before

Saúde do homem foi destaque da ação

   O gerente da Unidade Básica de Saúde da Vila Perola, Anderson Borges informou que o restaurante Popular Ressaca cedeu o espaço para que fosse feito, ali, o dia D do Novembro Azul, que é o dia de conscientização em relação as doenças masculinas, principalmente o câncer de próstata, as doenças sexualmente transmissíveis e o tabagismo. “Viemos com a equipe completa médicos, enfermeiros, técnico de enfermagem, com a disponibilização de materiais impressos, material para exames rápidos como aferição de pressão e médicos para tirar dúvidas dos usuários”, informou o gerente.

O médico da Equipe 38, Flávio Coelho, falou da importância da prevenção. “Nesse mês todas as unidades de saúde estão preparadas para oferecer exames preventivos para os homens, principalmente, com relação ao câncer de próstata”, destacou o médico. Flávio frisou ainda que “o câncer de próstata é o câncer que mais acomete o homem. É o câncer que mais causa morte entre os homens. A prevenção é importante”.

A ação também foi marcada pela apresentação dos músicos Cássia e Milton. Por uma iniciativa dos restaurantes populares em firmar parcerias com artistas locais que, de forma voluntária, divulgam seus trabalhos durante as refeições e em eventos nos restaurantes.  

No período da tarde, os funcionários do restaurante participaram da palestra promovida pelos profissionais da Saúde abordando temas como câncer de mama e próstata.

Confira programação restante 

– Dia 24/11/17 – Restaurante Popular Eldorado

10h30 às 14h – Panfletagem com material informativo e orientações sobre câncer de próstata, aferição de pressão, orientações sobre DST, AIDS. 

– Dia 28/11/17 –  Banco de Alimentos 

14h – Palestra para os beneficiários e funcionários sobre câncer de mama e próstata, seguido de panfletagem com material informativo e orientações sobre câncer de próstata, aferição de pressão, orientações sobre DST, AIDS.  

– Dia 30/11/17 – Centro Municipal de Agricultura Urbana e Familiar (Cmauf)

9h30 – Palestra para os funcionários e público sobre câncer de mama e próstata, seguido de panfletagem com material informativo e orientações sobre câncer de próstata, orientações sobre DST, AIDS.

Data:23/11/2017

Repórter: Ketrily Andrade

Foto: Elias Ramos

Blitz Novembro Azul

Segundo os dados do Ministério da Saúde (MS), o câncer de próstata é a segunda maior causa de morte por câncer do mundo. O MS recomenda que homens a partir dos 45 anos façam o exame de toque anualmente. Na Blitz Novembro Azul, os mobilizadores da Secretaria de Saúde distribuíram panfletos com informações sobre a doença e a prevenção, além de  ‘botons’ para carregar a campanha no peito.  

Data: 23/11/2017

Fotos: Adelcio Barbosa

Blitz no trânsito para frear o câncer de próstata

Ação visa conscientizar os homens sobre a importância da prevenção

Em Contagem o sinal vermelho está ligado para o câncer de próstata. Nessa terça-feira (14), a Prefeitura de Contagem, por meio da Secretaria de Saúde, promoveu a Blitz Novembro Azul.  A ação ocorreu na avenida João César de Oliveira, Bairro Eldorado, e teve como objetivo conscientizar motoristas e pedestres em relação a prevenção do câncer de próstata. A blitz contou com o apoio da Autarquia Municipal de Trânsito e Transportes de Contagem (Transcon).

Segundo dados do Ministério da Saúde (MS), o câncer de próstata é a segunda maior causa de morte por câncer do mundo. O MS recomenda que homens a partir dos 45 anos façam o exame de toque anualmente. O senhor Onesino Coelho, 65 anos, morador do bairro Santa Helena, destaca que há cinco anos, faz o exame anualmente. “Acho importante essa campanha da prefeitura, os homens têm que fazer esse exame, e cuidar de sua saúde”, disse. 

before

A blitz foi uma ação da Secretaria de Saúde e parceiros

 Na Blitz Novembro Azul, os mobilizadores da Secretaria de Saúde distribuíram panfletos com informações sobre a doença e a prevenção, além de um ‘boton’ para carregar a campanha no peito.   Segundo o assessor Médico da Secretaria de Saúde, Luiz Fernando Avelar, temos que combater o preconceito. “Para combater o câncer de próstata a prevenção é o melhor remédio, os homens ainda têm muito receio de fazer o exame, mas isso tem que acabar, o exame do toque pode salvar a vida”, concluiu.  

A ação faz parte do Novembro Azul, mês dedicado ao combate e prevenção da doença. A blitz contou com a participação usuários do Centro de Convivência Horizonte Aberto e do Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAP´s AD). 

Data: 14/11/2017

Repórter: Lucas Santos

Foto: Adelcio Barbosa

Blitz educativa no combate ao câncer de próstata

Parceria entre setores da prefeitura e a Polícia Militar vai levar informações sobre a doença para os homens contagenses

De acordo com o Ministério da Saúde, o câncer de próstata é a segunda maior causa de morte por câncer do mundo. No mês dedicado ao combate a essa doença, conhecido como Novembro Azul, a Prefeitura de Contagem promove diversas ações para a conscientização sobre o tema. Ainda segundo o Ministério da Saúde, os homens a partir dos 45 anos devem ir ao médico regularmente. 

Para incentivar os homens a fazerem os exames de prevenção será feira pela Secretaria de Saúde, na próxima terça-feira (14), em parceria com a Autarquia Municipal de Trânsito e Transportes de Contagem (Transcon) e a Polícia Militar, a Blitz Novembro Azul. O objetivo é a conscientizar as pessoas sobre a doença por meio de distribuição de panfletos, botons e adesivos com informações sobre os cuidados que os homens devem ter com sua saúde. A blitz será na avenida João César de Oliveira, próximo ao nº 5.555, sentido Eldorado, das 9h às 11h.

O secretário Municipal de Saúde, Bruno Diniz, ressalta que a informação é a principal forma de prevenir a doença. “A grande dificuldade dos homens está na necessidade do exame de toque retal, que é a única forma de sentir o nódulo. O brasileiro tem que acabar com esse preconceito, pois esse exame pode salvar vidas”, lembrou.   

No estágio inicial o paciente não sente nada, por isso é importante ir ao médico com frequência. Somente por meio de exames é que a doença pode ser detectada.

Blitz Novembro Azul
Data: 14 de novembro (terça-feira)
Horário: 9h às 11h 
Endereço: Av. João César de Oliveira, próximo ao nº 5.555, sentido Eldorado.

Data: 10/11/2017

Repórter: Lucas Santos

Saúde do homem é o tema central do Novembro Azul

Durante o mês, estão previstas diversas atividades voltadas ao público masculino

A Prefeitura de Contagem, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), vai promover uma série de ações ao longo do mês, na campanha Novembro Azul. O mote da campanha, “Homem que se cuida não perde o melhor da vida”, frisa que o público masculino deve aproveitar o Novembro Azul para procurar uma unidade de saúde e se informar sobre saúde do homem e doenças que podem acometer o público masculino.

O objetivo é reforçar a importância de os homens, principalmente aqueles com idade entre 50 e 70 anos, procurarem os serviços de saúde e se informarem sobre condutas e exames necessários para prevenir e combater não só o câncer de próstata, mas também infecções sexualmente transmissíveis (IST), como HIV, e outras doenças que acometem a homens e mulheres, como diabetes e hipertensão e ainda os problemas decorrentes do tabagismo.

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2010 (Censo 2010), em Contagem havia cerca de 45 mil homens com idade entre 50 e 69 anos. No Brasil, o câncer de próstata é o segundo mais comum na população masculina, segundo o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca), atingindo um em cada seis homens. Trata-se de uma doença silenciosa, que não apresenta muitos sintomas, e o diagnóstico precoce, que aumenta enormemente as chances de cura, é feito através de exames como PSA e toque retal.

Nesse contexto, como parte do esforço de divulgar informações sobre saúde do homem, o médico Arley Valle Soares, urologista no Centro de Consultas Especializadas (CCE) Iria Diniz, participou do programa Alerta Super, na Rádio Super Notícia (91,7 fm), na terça-feira (7). Ele falou sobre diversos assuntos ligados a saúde do homem e os cuidados necessários.  “O câncer de próstata ainda mata muitos homens, mas a saúde do homem vai muito além da próstata. A prevenção é muito importante para termos mais qualidade de vida, e se informar é parte dessa prevenção”, lembrou o médico.

Estão previstas várias ações voltadas à saúde masculina ao longo do mês, tais como o aumento do número de oferta de consultas com urologista, que são feitas no CCE Iria Diniz e no CCE Ressaca, e a promoção de mutirão de vasectomia. Acompanhe as informações nas unidades de saúde e nos canais de comunicação da prefeitura e da Secretaria de Saúde.

 Data: 09/11/2017

 Repórter: Carolina Brauer

 Foto: Divulgação

Entrevista sobre saúde do homem na Rádio Super Notícia

Durante o Novembro Azul, estão previstas diversas atividades voltadas ao público masculino

O médico Arley Valle Soares, urologista no Centro de Consultas Especializadas (CCE) Iria Diniz, participou do programa Alerta Super, na Rádio Super Notícia (91,7 fm), na terça-feira (7), e foi entrevistado pelo jornalista Ricardo Sapia. A entrevista é uma das ações que serão promovidas ao longo do mês pela Prefeitura Municipal de Contagem (PMC), por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), na campanha Novembro Azul. Na oportunidade, o médico ressaltou que o câncer de próstata ainda mata muitos homens, mas que a saúde do homem vai muito além da próstata. Clique aqui e ouça a entrevista, e acompanhe as informações nas unidades de saúde e nos canais de comunicação da prefeitura e da SMS.

Data: 08/11/2017

Repórter: Carolina Brauer

Fotos: Carolina Brauer

Novembro Azul chega recheado de ações pela saúde do homem

Em 2016 foi divulgada uma pesquisa do Ministério da Saúde apontando que um terço dos homens entrevistados não tinha o hábito de ir ao médico. No Brasil, o câncer de próstata é o segundo mais comum na população masculina, segundo o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca).

Por isso, é muito importante que  os homens procurem os serviços de saúde e se informem sobre condutas e exames necessários para prevenir e combater não só do câncer de próstata, mas também infecções sexualmente transmissíveis, como HIV. Para reforçar essa necessidade, a Prefeitura de Contagem, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, promoverá uma série de ações ao longo do mês, na campanha Novembro Azul. 

Em reunião na última segunda-feira (30), gestores e técnicos da Superintendência de Atenção à Saúde (SAS) planejaram diversas iniciativas de conscientização e promoção de atividades focadas na saúde masculina, que irão ocorrer durante o mês de novembro. Acompanhe as informações nas unidades de saúde e nos canais de comunicação da prefeitura e da Secretaria de Saúde.

Data: 31/10/2017

Repórter: Carolina Brauer