Posts com a Tag ‘Mês da mulher’

Seminário orienta mulheres sobre seus direitos e os cuidados com a saúde

Para combater a violência contra a mulher, a Prefeitura de Contagem, por meio da Secretaria de Saúde, promove na próxima segunda (26), um seminário na Faculdade UNA de Contagem, a partir das 14h. O objetivo é esclarecer aos cidadãos os direitos conquistados ao longo dos anos e incentivar o cuidado com a saúde.

No cronograma conta com orientações de saúde, rodas de conversa e palestras. O principal tema a ser debatido é “A Violência Psicológica contra a Mulher dentro dos Espaços Familiares –  Conhecer para Combater”, que será conduzido pela vice-presidente do Conselho Regional de Psicologia de minas Gerais, Cláudia Natividade.

Para empoderar as mulheres e ajudar a superar traumas de violência, a prefeitura oferece durante todo o ano atendimento psicológico, assistência social e orientação jurídica. A interessada deve procurar o espaço “Bem-me-quero” que funciona na Rua José Carlos Camargos, 218, Centro de Contagem, de segunda à sexta-feira, de 8h às 17h. Mais informações 31-3352-7543.

A violência contra a mulher é crime, denuncie. Ligue 180.

Repórter: Jaiderson Henrique (Sob supervisão de Aída Matos)

Foto: Divulgação

Data: 20/03/2018

Pela primeira vez Contagem recebe Corrida da Mulher-Maravilha

Evento reuniu mais de duas mil pessoas. Largada foi na Praça do Sol

Mais de duas mil pessoas participaram, nesse domingo (18), da Corrida Mulher-Maravilha, que atualmente é um dos mais divertidos eventos de rua do Brasil. O evento aconteceu pela primeira vez em Contagem, a largada e a chegada foram na Praça do Sol, em frente ao Shopping Contagem (avenida Severino Ballesteros).

A Corrida Mulher-Maravilha é uma promoção da Yescom e DC Comics and Warner Bros. Entertainment Inc. O evento teve o apoio da Prefeitura de Contagem e contou também com apoio médico, acessos, pontos de hidratação, lanches e toda infraestrutura necessária ao atleta e ao participante.

A primeira dama de Contagem, Luciana de Freitas, correu 4KM, entregou a premiação às vencedoras e reforçou que o esporte é importante para a cidade. “Eventos como este são bem-vindos na nossa cidade. A expectativa é que tenhamos outras atrações com estrutura apropriada e integração com os moradores. O incentivo ao esporte melhora a qualidade de vida das pessoas e é uma de nossas prioridades”, enfatizou.

As participantes puderam escolher entre percursos de caminhada 4km, corrida de 4km e corrida de 8km. Homens também participaram, correndo o percurso exclusivo da Corrida Trevor Army 4km.

O secretário-adjunto de Saúde, Luiz Fernando Santos, lembra que a prática de atividades físicas previne doenças. “O esporte é a melhor forma de evitar algumas doenças, porém antes de começar qualquer atividade física é preciso passar por uma avaliação para saber se a pessoa está apta e não ter complicações”, reforça.

A coordenadora técnica do evento, Simone Santos, afirmou que a corrida foi um sucesso e a pretensão é que aconteçam outras edições na cidade. “Contagem tem porte e competência para receber grandes eventos e os moradores da cidade merecem. Agradeço o apoio da prefeitura e acredito que o evento veio para ficar, eventos positivos e de qualidade para a cidade são importantes para integrar a população”.

Neste ano, a Corrida Mulher-Maravilha também será promovida nas cidades de Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo. Mais informações, acesse os sites da corrida e da organizadora.

Repórter: Nayara Vianna

Foto: Ricardo Lima

Data: 20/03/2018

Unidades de saúde promovem ações em comemoração ao mês da mulher

Diversas atividades como danças, cuidados estéticos e exames preventivos foram ofertadas

Em comemoração ao mês da mulher, as Unidades Básicas de Saúde (UBS) do Jardim Industrial, Vila São Paulo e Vila Bandeirantes, promoveram no último sábado (17), ações que incentivam o bem-estar e o cuidado que a mulher deve ter com a saúde.

Cada UBS ofereceu a população atividades diferentes, como danças, lanche saudável, exames preventivos, cuidados estéticos, entre outras. A gerente das UBSs Jardim Industrial e Vila São Paulo, Érika Conceição Soares, afirma que a gestão está preocupada em valorizar as moradoras de contagem e também as servidoras. “Desenvolvemos essas atividades para comemorar o mês da mulher e empodera-las emocional e profissionalmente. O incentivo ao cuidado com a saúde é também uma prevenção e uma forma de aproximar a comunidade da gestão pública”, afirma.

Para a moradora da Vila São Paulo, Maristela Teodoro, que aproveitou a programação especial para as mulheres, a promoção da saúde e a integração com o governo municipal é fundamental para o bem-estar de todas as mulheres. “Eu faço questão de frequentar as atividades desenvolvidas pela UBS durante o ano todo, porque acredito que é nosso direito ocupar os espaços públicos e essa aproximação com os agentes de saúde nos traz mais conhecimento para prevenirmos doenças. E se temos a oportunidade de comparecer aos postos de saúde para fazermos atividades, que têm como objetivo a promoção da saúde, devemos aproveitar. Hoje foi um dia divertido e especial”, disse.

E para deixar as mulheres ainda mais envolvidas nas dinâmicas propostas, as mamães puderam contar com um canto recreativo voltado para as crianças enquanto recebiam cuidados.

Repórter: Nayara Vianna

Foto: Ricardo Lima

Data: 19/03/2018

 

Mês da Mulher é também tempo de pensar sobre planejamento familiar

Rede SUS/Contagem oferece acesso a anticoncepcionais orais e injetáveis, preservativos masculinos, DIU, laqueadura e vasectomia. Pessoas interessadas devem procurar pela Unidade Básica de Saúde

O mês de março, quando é comemorado o Dia Internacional da Mulher (8), abre oportunidades para discussões relativas a empoderamento feminino, o que inclui falar sobre planejamento familiar, um conjunto de ações que permitem o controle do número de filhos e do espaço de tempo entre as gestações. Afinal, mulher empoderada que se preze não deixa de pensar sobre o assunto!

Os contraceptivos são os métodos ou dispositivos usados para prevenir a gravidez e devem ser escolhidos no contexto do planejamento familiar, pois apresentam diferenças em termos de eficácia, duração e formas como agem no organismo. O melhor método contraceptivo pode, então, variar caso a caso.  Vale lembrar que o preservativo é o único método contraceptivo que oferece também proteção contra Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST), como a Aids.

A rede SUS/Contagem oferta diferentes anticoncepcionais hormonais orais e injetáveis, dispositivo intrauterino (DIU) de cobre (não hormonal), laqueadura tubária e, ainda, preservativo masculino (camisinha) e vasectomia (para homens).

Acesso começa na UBS

As atividades do planejamento familiar e os métodos contraceptivos são disponibilizados pela rede SUS/Contagem por meio das Unidades Básicas de Saúde (UBS), a porta de entrada do Sistema Único de Saúde (SUS), onde o interessado receberá todas as orientações e informações sobre condutas necessárias.
– O preservativo masculino (camisinha) encontra-se à disposição dos usuários, com demanda livre, em todas as unidades de saúde.

– Os anticoncepcionais hormonais orais e injetáveis, por serem medicações, devem ser prescritos nas UBSs. Por isso, antes de retirá-los na rede, é preciso fazer passar pela consulta com enfermeiro/médico.

– Os métodos contraceptivos considerados definitivos (laqueadura tubária e vasectomia) possuem critérios específicos para autorização (vide Lei do Planejamento Familiar, a Lei nº 9263, de 12/1/2016). Para acessá-los, as pessoas interessadas devem passar pela unidade de saúde, participar do encontro de Planejamento Familiar, no qual recebem orientações quanto a métodos contraceptivos e documentos necessários e agendam consulta com o médico da unidade. “Durante essa consulta, o profissional reforça as orientações, solicita exames pré-operatórios e assina a guia para autorização do procedimento. Posteriormente, todos os documentos providenciados são encaminhados ao setor de Regulação da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), onde o procedimento será autorizado e agendado”, detalha a referência técnica em Saúde da Mulher da SMS, Silviane Flávia de Souza André. A Laqueadura tubária é feita no Complexo Hospitalar Municipal e em prestador conveniado; já a vasectomia, nos Centros de Consultas Especializadas (CCE) Iria Diniz e Ressaca.

– Para que a inserção do DIU seja feita, é preciso participar dos encontros de Planejamento Familiar, que acontecem nas UBSs por meio de reuniões, grupos ou consultas individuais, nos quais as mulheres interessadas podem se informar sobre métodos contraceptivos. “Posteriormente, essas usuárias são encaminhadas aos ginecologistas dos Núcleos de Apoio à Saúde da Família (Nasf) para que a inserção seja feita”, explica Silviane Flávia. O DIU é inserido nas UBSs e nos casos de colocação do dispositivo imediatamente no pós-parto, na maternidade de Contagem.

Autonomia feminina e planejamento familiar

“No mês de março, que simbolicamente denominamos como o “Mês da Mulher”, falar do planejamento familiar é afirmar que a mulher através dos métodos contraceptivos conquistou sua autonomia na escolha de quando e quantos filhos deseja ter”, sustenta a referência técnica em Saúde da Mulher da SMS, Silviane Flávia de Souza André.

Silviane argumenta que o planejamento familiar também é um importante aliado no aumento da qualidade de vida do casal e da saúde da mãe e do bebê durante a gravidez. “Através do planejamento familiar podemos garantir gestações mais saudáveis, reduzindo a gravidez indesejada e de alto risco. A prática do planejamento familiar também permite o aumento da qualidade de vida do casal, uma vez que somente terão o número de filhos que se planejou. Vale ressaltar que os preservativos devem ser usados em todas as relações sexuais, pois, além de serem um método contraceptivo, evitam as Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST), como a Aids”.

Repórter: Carolina Brauer

Foto: Divulgação

Data: 19/03/2018

Mulheres, servidoras da Saúde, na Corrida Mulher-Maravilha

Servidoras da Secretaria de Saúde irão participar do evento, que acontece no próximo domingo (18)

Kátia, Ariane, Danielly e Aliny, como tantas outras mulheres, são heroínas anônimas do cotidiano: elas trabalham, estudam, fazem serviços domésticos e encaram uma jornada muitas vezes pesada. No dia a dia, sendo supermulheres, mas sem poder contar com superpoderes, tentam equilibrar humores, cumprimento de metas, expectativas e forças para seguir em frente. Só que, neste fim de semana, todas elas, servidoras na Secretaria Municipal de Saúde (SMS), vão se defrontar com um desafio no qual elas serão mais do que heroínas: elas serão mulheres-maravilha, pois irão participar da Corrida Mulher-Maravilha, que acontece na cidade no domingo (18).

O evento esportivo, um dos mais divertidos no circuito dos corredores Brasil afora, teve Contagem como a cidade mineira escolhida para sediar a prova no estado. Os percursos de 4 km e 8 km serão feitos na região da Ressaca, na avenida Severino Ballesteros. Ainda neste ano, haverá também edições da corrida, uma alusão ao filme Wonder Woman (Mulher-Maravilha), de Patty Jenkins e que conta com o patrocínio da Warner, no Rio de Janeiro e em São Paulo.

Corrida como prática cotidiana

Kátia Pereira Fernandes é servidora no setor de Engenharia. Ariane Silva Braga trabalha no setor Recursos Humanos. Daniely Aparecida de Jesus é gestora da Atenção Básica e Aliny Vasconcelos é gestora da Atenção Especializada. Embora suas funções laborais incluam atividades, produtos a serem entregues e objetivos diferentes, essas mulheres têm em comum, além do fato de serem “super” e de trabalharem na SMS, o gosto pela prática da corrida – todas elas contam que correm pelo menos duas vezes por semana, que já participaram de outras provas e circuitos e que o que as instiga a correr vai além da busca pela melhora estética.

E os motivos apresentados por cada uma delas para a prática da corrida, seja correndo atrás de alguma coisa ou de nada, correndo simplesmente por correr, ajudam a dar uma dimensão do que o correr pode fazer à vida de uma pessoa.

Kátia, que tem a ambiciosa meta de chegar à corrida São Silvestre, explica que corre antes de vir trabalhar e que isso lhe ajuda a lidar com o estresse da vida cotidiana. “Não é só pelo corpo, é mais para a cabeça”, diz. Ariane ressalta que além dos benefícios ligados ao tônus muscular, a corrida também é uma maneira de conhecer os próprios limites, desafiando-os: “Corrida é uma forma de conhecer o corpo e, por isso, corrida é também autoconhecimento”. Daniely associa a corrida à sensação de liberdade e felicidade, pois, para ela: “correr é uma forma de viver livre e feliz”. E Aliny, ao comentar sobre o que a motiva a correr, acaba fazendo um apanhado dos benefícios propiciados pela prática da corrida: “qualidade de vida e bem-estar”.

Atenção aos cuidados para a prática de exercícios aeróbicos

O secretário-adjunto de Saúde de Contagem, o cardiologista Luiz Fernando Avelar dos Santos, explica que fazer exercício aeróbico é muito importante para a manutenção e melhora da saúde. “Aumenta o condicionamento físico, fortalece os músculos, combate a insônia, auxilia no controle do colesterol e previne osteoporose e, além disso tudo, ainda inunda o organismo com o hormônio endorfina, responsável pelo bem-estar”, afirma o médico.

Contudo, o cardiologista lembra que é preciso tomar certos cuidados com o corpo antes de sair por aí fazendo exercício. “É importante ter atenção desde a escolha do vestuário, optando por uma roupa leve e um calçado adequado, e também fazer alongamentos leves mínimos, para evitar lesões, e as pessoas que têm histórico de hipertensão arterial e diabetes devem passar por um check-up cardiológico”, explica.

Repórter: Carolina Brauer

Foto: Elivan Félix

Data: 15/03/2018