Posts com a Tag ‘Bazar’

Bazar natalino do Centro de Convivência Horizonte Aberto

O equipamento atende usuários da rede de saúde mental do município

Além de se o mês quando as pessoas comemoram as festas natalinas, dezembro é um mês de reflexão, dedicação ao próximo e planejamento para o ano vindouro. O Centro de Convivência Horizonte Aberto também prepara seu natal. Nos dias 6 e 7 de dezembro, o centro promoveu um bazar natalino para celebrar o 2017. O Horizonte Aberto é um equipamento da Prefeitura de Contagem que atende usuários da rede de saúde mental do município, que apresentam quadro psíquico estável.

Além de artesanatos, confeccionados pelos usuários, roupas e bijuterias estavam a venda. Cerca de 100 pessoas passaram para conferir o bazar e levar para casa uma lembrança do que é realmente a magia do natal, ajudar o próximo. O intuito é promover a socialização dos usuários e arrecadar fundos para passeios e confraternizações.

“Além de arrecadar fundos, queremos mostrar para a população que o usuário da saúde mental é capaz de exercer tarefas e se inserir na sociedade”, ressaltou a gestora do Horizonte Aberto, Karem Alvin. O Centro de Convivência oferece diariamente, para aproximadamente 25 usuários, diversas oficinas de artesanato como pintura em tecido, confecção de potes, entre outros.

Nas oficinas são atendidos usuários do Centro de Convivência e, também, os usuários em situação de permanência/dia dos Centros de Atendimento Psicossocial Infantil (Caps I), Atendimento Psicossocial Álcool e Drogas (Caps AD), Atendimento Psicossocial (Caps) Eldorado e Caps Sede, em dias alternados. 

Bazar na Saúde
Dia:12 de dezembro (Terça-feira)
Local: Secretaria de Saúde
Endereço:  Avenida General David Sarnoff, 3113 
Horário: 10h às 15h

 Data:07/12/2017

Repórter: Lucas Santos

Foto: Adelcio Barbosa

Bazar do Centro de Convivência Horizonte Aberto

O Natal se aproxima, e junto dele as motivações para dedicarmos ao próximo um pouco do que temos de melhor. É tempo de solidariedade, é tempo de magia.

Pensando nesse momento, o Centro de Convivência (CCV) Horizonte Aberto promoverá um bazar nos dias 6 e 7 de dezembro. Peças de roupas novas e usadas, bijuterias, potes, panos de pratos, imãs de geladeira e outros produtos artesanais, confeccionadas pelos próprios usuários, estarão à venda no próprio CCV.

De acordo com a gestora do CCV, Karen Alvim, a participação efetiva dos usuários durante a produção das peças, além de desenvolver habilidades pessoais, fomenta a socialização entre eles. E com a renda obtida, será possível contribuir para a manutenção das oficinas e do CCV.

O Centro de Convivência oferece diariamente, para aproximadamente 25 usuários, diversas oficinas de artesanato, como pintura em tecido, confecção de potes, colagem, recorte, confecção de bijuterias, quadros e peças de uso doméstico. Nas oficinas são atendidos usuários do Centro de Convivência e, também, os usuários em situação de permanência/dia dos Centros de Atendimento Psicossocial Infantil (Caps I), Atendimento Psicossocial Álcool e Drogas (Caps AD), Atendimento Psicossocial (Caps) Eldorado e Caps Sede, em dias alternados.

Endereço:

O bazar do Centro de Convivência Horizonte Aberto acontecerá na rua Livorno, 96 bairro Santa Cruz em Contagem , das 9h às 16h, nos dias 6 e 7 de dezembro.

Data: 24/11/2017

Repórter: Simone Ribeiro 

 

Centro de Convivência Horizonte Aberto promove bazar

Ação aconteceu durante a IX Conferência Municipal de Saúde

Quem passou pela Escola Municipal Dona Babita Camargos no sábado (7), durante a IX Conferência Municipal de Saúde, pôde conferir o bazar do Centro de Convivência Horizonte Aberto, que promoveu uma exposição com artesanatos variados e objetos de arte produzidos pelos próprios usuários atendidos nesse importante serviço substitutivo da saúde mental do município.

O centro de convivência é um equipamento público que integra os esforços da reforma psiquiátrica e a construção da política de saúde mental, que entre seus objetivos busca modificar o sistema de tratamento clínico da doença mental, eliminando gradualmente a internação em hospitais psiquiátricos.

A renda obtida com a venda dos produtos comercializados durante a Conferência do sábado será revertida na aquisição de mais materiais a serem usados em oficinas terapêuticas, explica a gestora do Centro de Convivência, Karen Alvim.

“Hoje, atendemos a uma média semanal de 30 a 40 pessoas, e registramos cerca de cem presenças semanais. O Centro de Convivência Horizonte Aberto, que atende à toda a rede SUS/Contagem e, ainda, a alguns encaminhamentos de Belo Horizonte, é o único da cidade”, afirma Karen.

Anderson Costa, uma das dezenas de pessoas atendidas pelo centro de convivência e um dos artesãos responsáveis pela produção exposta no sábado, esteve presente à conferência. Ele conta que vem recebendo atendimento no local há cerca de sete anos. “Sempre considerei o centro de convivência como um lugar para conviver e participar”, diz Anderson.

Para acessar o centro de convivência, a pessoa deve ser encaminhada pelo serviço no qual ela já esteja inserida. O equipamento oferece atividades diversas, tais como oficinas de arte, jardinagem, reciclagem, pintura em tecido e contação de histórias. A programação inclui ainda rodas de conversa e aulas de zumba, com o objetivo de promover a socialização dos usuários.

Centro de Convivência Horizonte Aberto
Rua Livorno, 96 – Bairro: Santa Cruz (Eldorado)
Horário de funcionamento: 8h às 17h
Telefone: 3352-5350

 Data: 10/10/2017

Repórter: Carolina Brauer

Foto: Adelcio Barbosa