Plenária Municipal de Saúde aprova propostas de Contagem para a Conferência Estadual

O auditório da Faculdade UNA ficou lotado no sábado (30), para discussão de propostas para a gestão da saúde no estado

Além de 15 propostas, foram eleitos os 32 delegados que representarão o município

Com a participação de quase 400 pessoas, entre usuários, trabalhadores e gestores, a Plenária Municipal de Saúde de 2019, realizada sábado (30), na Faculdade UNA, selecionou 15 propostas que serão levadas para a Plenária Estadual, a ser realizada entre abril e junho. Também foram escolhidos os 32 delegados que representarão o município na Conferência Estadual.

Com eixo em três temáticas (Saúde como direito; Consolidação dos princípios do SUS e Financiamento adequado e suficiente para o SUS), a Plenária Municipal discutiu várias propostas até a aprovação final. O coordenador da Comissão de Relatoria, dr. Newton Lemos, ressalta que o foco das propostas foi “a contribuição de Contagem para a melhoria da gestão de Saúde em Minas Gerais e no país”.

Inicialmente, foi feita a eleição dos delegados, com representantes de cada um dos oito Distritos Sanitários e de acordo com a paridade de cada segmento, usuários, trabalhadores e gestores, definida por lei.

O secretário municipal de Saúde, Cleber Faria da Silva, avaliou como muito positiva a Plenária, em todos os aspectos, principalmente quanto à maturidade do Conselho Municipal em termos de condução do processo. “Desde o início, com a mobilização dos conselheiros, com o propósito de fazer uma plenária organizada e bem direcionada, seguindo o que preconiza o Ministério da Saúde. Graças à mobilização via Distritos, tivemos uma das maiores adesões em plenárias de saúde de Contagem”, comenta.

Cleber Faria da Silva destaca também a participação popular nas discussões: “Tive a nítida percepção que as pessoas estavam lá por interesse pelo tema, em participar e colaborar de forma coletiva, com o objetivo de que as propostas pudessem ser construídas da melhor maneira possível para serem levadas a nível estadual e chegar também a nível federal”.

Participação popular

A participação popular, mais uma vez, foi importante para a definição das propostas e eleição dos delegados. “Aqui é o lugar onde podemos dar idéias e pontuar situações que podem ser melhoradas. É um ótimo momento para que possamos relatar a real situação de cada região, para contribuir com melhorias”, avalia Ismênia Freitas, da Regional Ressaca, representante do segmento usuário.

Mesmo quem participou pela primeira vez de uma plenária da Saúde destacou a importância da participação nas discussões. “É importante o debate para esclarecermos vários pontos, como as dificuldades que têm os usuários e as melhorias que podem ser feitas. Ao mesmo tempo, a gente recebe informações da gestão e uma projeção do que vai se fazer. A plenária melhora o campo de visão do usuário. Tenho observado que a saúde tem melhorado em Contagem. O caminho é este: dar sequência ao que tem sido feito”, comenta Jorlim Antônio Barbosa, usuário da Regional Eldorado.

Opinião semelhante tem o usuário Hermínio José Rosa, da Regional Petrolândia: “É a primeira vez que participo. Aqui, a gente fica sabendo direitinho o que está acontecendo com a Saúde em nosso município. Quero entender como tudo funciona, os projetos para a Saúde de Contagem. É bom para votarmos e darmos sugestões”.

Adriana Malta, servidora da UBS Maria da Conceição, na Regional Sede, também aponta os pontos positivos do encontro: “A plenária é boa para olharmos o lado do usuário, ver de que eles estão sentindo falta. Para o trabalhador, vemos o que pode ser melhorado em termos de legislação e de rotina de trabalho. É a primeira vez que participo, mas, pelo que tenho ouvido, sempre tem dado resultados”.

Entre as autoridades presentes, além do secretário municipal de Saúde, Cleber de Faria Silva, estavam presentes a secretária-adjunta Kênia Silveira Carvalho, a presidente do Conselho Municipal de Saúde, Maria José Pinto, a superintendente regional de Saúde, Débora Marques Tavares, representando o secretário estadual de Saúde, Carlos Eduardo Amaral Pereira da Silva; e o vereador Dr. Rubens Campos.

No início da Plenária, houve apresentação do grupo teatral Agente em Cena, com a peça “O secador e o espelho: Democracia e Saúde”. O Programa Movimenta Contagem também esteve presente, fazendo o cadastramento de novos usuários para os mais de 100 núcleos implantados no município.

 

Repórter: Eugênio Moreira 

Foto: Fábio Silva 

Data: 02/04/2019