Logo
   

Festival Internacional de Corais homenageia Villa-Lobos

Contagem recebe um dos maiores eventos de corais da América Latina

Contagem, Belo Horizonte e mais 10 cidades de Minas serão palco de apresentações para a 7ª edição do Festival Internacional de Corais - FIC, que em 2009 homenageia o legado do compositor e maestro Heitor Villa-Lobos. Na cidade, as apresentações acontecerão nos dias 23, 25 e 26 de setembro, respectivamente, na Ceasa Minas, na Igreja Nossa Senhora da Glória e na Praça da Glória, no bairro Eldorado. O Festival Internacional de Corais 2009 irá receber mais de cem coros de diversas regiões do País, totalizando cerca de 5 mil participantes. A entrada é franca.

 

Apresentações

A Ceasa Minas abre as portas ao FIC 2009 no dia 23 de setembro, às 10h. Irão se apresentar o Grupo Vocal Vozes Du Campus, de Açu (RN), e o Coral Municipal de Caxias do Sul (RS). No dia 25, às 20h, a Igreja Nossa Senhora da Glória recebe os coros Allegreto Cantalyn e Musicanto (de Contagem) - que também se apresenta no dia 26 -, o Coral da SUCAB e o Coral Estudantil da Bahia (ambos de Salvador, BA). Já no dia 26, a partir das 18h, é a vez da Praça da Glória apresentar os grupos Coral Fumec (BH), Luiz de Queiroz (Piracicaba, SP), Coral Municipal de Caxias do Sul (RS) e o Coro Infantil da Universidade de Cauca (Colômbia). Neste mesmo dia 26, Renato Teixeira sobe ao palco do FIC.

Tema
O tema desta edição é o legado do maestro brasileiro Heitor Villa-Lobos que se tornou conhecido internacionalmente como um revolucionário que provocava um rompimento com a música acadêmica no Brasil. As viagens que fez pelo interior do país influenciaram suas composições. Entre elas, destacam-se: "Rosa Amarela", "Melodia Sentimental", "Xangô", "Bachianas Brasileiras", "O Canto do Uirapuru", "Magnificat" e "O Trenzinho do Caipira".

A música-tema desta edição é "Mestre Villa", encomendada ao maestro e arranjador Leonardo Cunha com letra do poeta Fernando Brant - que repete as parcerias realizadas com as músicas "Voz Tambor" (2007) e "50 Anos da Bossa Nova" (2008) - e será apresentada em todas as noites do FIC 2009.

Exposições
Além das apresentações de centenas de corais homenageando o legado de Villa-Lobos, haverá também, duas exposições - uma permanente e outra itinerante - com fotos, textos e material audiovisual sobre o maestro.
Pela primeira vez em Minas Gerais, a exposição trará fotos da família Villa-Lobos, concertos do compositor no Brasil e exterior, Villa-Lobos e amigos e trilhas sonoras compostas por ele. A exposição itinerante acontecerá sempre nos locais de apresentação do FIC 2009 e somente durante as apresentações dos corais. Em

Contagem a exposição permanente ocorre na Ceasa Minas e no Itaú Power Shopping, de 18 a 27 de setembro, em horário comercial.
O acervo foi cedido ao FIC pelo Museu Villa-Lobos. Serão 83 fotos e mais de 80 registros audiovisuais. O acervo é uma parceria do museu e do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional - Iphan, vinculado ao Ministério da Cultura.

A curadoria e coordenação do Festival são do maestro Lindomar Gomes. O Festival de Corais é um dos eventos mais aguardados pelo público mineiro e pode ser considerado o maior do gênero na América Latina. Ele propicia intercâmbio entre artistas, coralistas, maestros e público. Um de seus objetivos é proporcionar a difusão, integração, incentivo, desenvolvimento e fortalecimento de laços entre corais regionais, nacionais e internacionais.

A 7a edição do Festival de Corais é uma realização da Universidade Fumec. Patrocínio da Cemig, CeasaMinas, Copasa, Belotur. Apoio do Palácio das Artes/Fundação Clóvis Salgado, Governo do Estado de Minas Gerais, Rede Globo Minas, Rede Minas de Televisão, Rádio Inconfidência, Gerdau, Prefeitura de Contagem, Itaú Power Shopping, Supermercados EPA.

A entrada das exposições, tanto a itinerante quanto a permanente, para as apresentações dos corais e os shows é franca. Mais informações: (31) 3425-5761 ou www.festivaldecorais.com.br

 

 

   

FONTE: Secretaria de Educação e Cultura

PUBLICAÇÃO: 16/09/2009 16:16:54